segunda-feira, 2 de maio de 2011

Coronel Castro assume comando da Polícia Militar

Toma posse na próxima sexta-feira (6), às 8h30, o novo comandante-geral da Polícia Militar, coronel Alfredo Braga de Castro. Coordenador de Missões Especiais da PM, ele coordenava a inteligência policial das operações.
Coronel Castro tem 51 anos e assume em substituição ao coronel Nilton Régis Mascarenhas, que ficou no comando da instituição por dois anos e oito meses. A solenidade de transmissão de cargo acontece na Vila Militar do Bonfim, na Avenida Dendezeiros.
O governador Jaques Wagner decidiu fazer a substituição no comando da PM para promover a renovação dos quadros da instituição. Com a mudança, o coronel Mascarenhas conclui um ciclo virtuoso na Polícia Militar, onde iniciou carreira como soldado e chegou ao cargo máximo como comandante. Durante o período em que ficou à frente do comando, coronel Mascarenhas realizou operações importantes, dentro do Plano de Proteção ao Cidadão (2010) e do Pacto Pela Vida, com destaque para as realizadas recentemente no Nordeste de Amaralina e no Calabar. Além disso, foi o principal articulador para implantação da primeira Base Comunitária de Segurança.
Além do coronel Castro, assumem ainda o coronel Carlos Eleutério, no subcomando da PM e o coronel Rivaldo Ribeiro dos Santos, como chefe da Casa Militar do Governador, em substituição ao coronel Expedito Barbosa Souza.
A seguir, os currículos resumidos:

Coronel Alfredo Castro
Com 51 anos e casado, o coronel Castro é o atual coordenador da Coordenadoria de Missões Especiais (CME), foi admitido na PM em 1978. De lá pra cá, entre outras funções, foi instrutor dos cursos de Especialização em Gestão Estratégica em Segurança Pública e de Formação de Oficiais; comandante, por duas vezes, do 12º BPM/Camaçari; e Comandante do Batalhão de Polícia de Choque. Em 2009, fez o curso superior de Inteligência Estratégica, na Escola Superior de Guerra, no Rio de Janeiro.

Coronel Rivaldo dos Santos
Com 57 anos, casado e pai de um filho, coronel Rivaldo ingressou na PM em 1972. Entre outras funções que desempenhou na corporação, foi comandante do 7º Batalhão da PM, no Barbalho; subcomandante do Esquadrão de Motocicletas; comandante do Corpo de Alunos do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças; e diretor da Academia de Polícia Militar. Tem pós-graduação em Política e Estratégia, pela Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra e fez o curso de Aperfeiçoamento de Oficiais, na Escola Superior de Polícia Militar do Rio de Janeiro.

Coronel Carlos Eleutério Filho
Nascido no Piauí, o coronel Eleutério tem 56 anos e ingressou na PM em 1972, é casado e pai de dois filhos. É formado em Administração de Empresas pela Universidade Católica de Salvador e possui especialização em Direitos Humanos pela Fundação Escola do Ministério Público / Faculdade 2 de Julho. Na PM, já foi comandante do Policiamento Regional da Capital – Atlântico e Diretor do Departamento de Apoio Logístico da Corporação. Atualmente, é o Auditor Chefe da PM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário