terça-feira, 10 de maio de 2011

WAGNER APRESENTA POTENCIAL BAIANO A INVESTIDORES ITALIANOS

O governador Jaques Wagner considerou “extremamente positivo” o contato que manteve com 150 empresários durante o seminário Um olhar sobre o estado da Bahia, realizado nesta terça-feira (10), em Milão, na Itália. Representantes das mais importantes empresas italianas assistiram à apresentação do governo baiano e demonstraram interesse em relação às oportunidades nas áreas de petróleo e petroquímica, setor automotivo, energias renováveis, mineração, e agroindústria.
No final do evento, o Governo da Bahia e o Promos Milano (entidade local de fomento aos negócios) assinaram um memorando de entendimento para a criação de um programa conjunto de atração de investimentos, e intercâmbio cultural e turístico. Além do governador Jaques Wagner, palestraram o secretário de Agricultura Eduardo Salles e o superintendente de Desenvolvimento Econômico da Secretaria de Indústria, Comércio e Mineração Paulo Guimarães.
Salles ressaltou a importância da cadeia produtiva do vinho, setor que possui grande potencial de expansão na Bahia, em particular nas áreas de espumantes, que já conta com a presença da Vinícola Miolo e que, em breve, contará com a Casa Valduga, duas das maiores vinícolas brasileiras. Amanhã, o secretario visitará diversas vinícolas da região de Trento, quando buscará parcerias e convidará os produtores industriais italianos a investirem na Bahia.
À tarde, o governador visitou a fábrica da Margraf, empresa em atividade há mais de um século, especializada na extração e beneficiamento de mármores e granitos, localizada em Chiampo. Também nesse período, a secretária da Casa Civil Eva Chiavon participou um workshop com 25 empresários do setor portuário, naval e náutico, em que a pauta tratou das ações e investimentos do estado da Bahia buscando garantir a infraestrutura logística para o escoamento da produção industrial e agrícola e a atração de investimentos para a implantação do Estaleiro Enseada do Paraguaçu e de outras empresas. Eva Chiavon enfatizou a importância da implantação de empreendimentos de infraestrutura e produtivos no corredor da Ferrovia Oeste-Leste (FIOL) objetivando o desenvolvimento social e econômico do estado naquela região.
Na avaliação do secretário de Relações Internacionais Fernando Schmidt ficou claro para os empresários italianos que a Bahia oferece uma série de vantagens para investidores interessados em diversificação produtiva, verticalização e agregação de valor, e no promissor mercado emergente brasileiro.
Nesta quarta-feira (11) de manhã o governador visita o parque tecnológico Quilômetro Vermelho, em Bergamo, e logo depois será recebido pelo governador Roberto Formigoni, da Lombardia. À tarde, Wagner manterá encontro com líderes da União Nacional Italiana dos Estaleiros e da Indústria Náutica e Afins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário