quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Diário Oficial publica hoje nomeação de 1.559 professore​s da rede estadual

O Governo do Estado da Bahia publica na edição desta sexta-feira (14), do Diário Oficial do Estado, a nomeação de 1559 professores aprovados no mais recente concurso para docente da rede estadual de ensino, realizado em janeiro deste ano (2011). A nomeação representa o primeiro grupo de um total de 3.200 docentes que serão nomeados até o início do ano letivo de 2012.
 O secretário da Educação do Estado da Bahia, Osvaldo Barreto, afirma que a entrada dos novos professores está de acordo com o programa Todos pela Escola, que tem o objetivo central de garantir a todo estudante o direito de aprender. Segundo ele, “a chegada dos novos docentes tem o objetivo de estabilizar e qualificar o quadro de educadores. A contratação representa um aporte importante para a melhoria do ensino em todas as escolas da rede estadual da Bahia”. Os novos professores vêm somar aos efetivos da rede pública de educação da Bahia, atualmente 40 mil professores, um dos maiores quadros de pessoal do Estado da Bahia.
O resultado do concurso foi publicado no mês de junho e no mês seguinte foi realizada a convocação, e em agosto e setembro foram feitos os exames medicos, realizados em todas as Diretorias Regionais de Educação (Direc) do Estado. Agora, em outubro, inicia a etapa de nomeação.

Docentes baianos ganham acima do piso nacional

A Bahia já garante o salário aos professores licenciados da rede estadual acima do piso nacional estabelecido pelo Supremo Tribunal Federal. Além disso, o estado é exemplo nacional com a implantação do Plano de Carreira do Professor, uma conquista da categoria.
Instituído em 2008, as bases do plano foram acordadas entre o Governo da Bahia e a APLB Sindicato. O plano estabelece duas formas de progressão: o avanço vertical automático, relacionado com a titulação, abrangendo desde a licenciatura até o doutorado, e a progressão opcional, decorrente da avaliação de desempenho, que é voluntária.
Em 2010, foi aplicada, pela primeira vez, a avaliação de desempenho, uma política de valorização da carreira do magistério. No total, 6.335 professores e coordenadores pedagógicos progrediram na carreira, sendo que 3.516 em 2010 e 2.819 em 2011. Mais do que garantir o aumento salarial de 15%, o resultado auxilia os professores no seu próprio desenvolvimento e funciona ainda como instrumento para a Secretaria da Educação do Estado elaborar os programas de formação para docentes.
secom-ba

Nenhum comentário:

Postar um comentário