terça-feira, 18 de outubro de 2011

OAB divulga calendário sobre Exame de Ordem até 2013 para auxiliar candidatos

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) divulgou na última sexta-feira (14 de outubro) um calendário indicativo completo sobre as próximas edições do Exame de Ordem Unificado. O calendário contém todas as datas dos processos (publicação de edital de abertura, período de inscrição, prova objetiva e prova prático-profissional), de agora até o final da gestão da atual Diretoria da entidade, em fevereiro de 2013. O presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, ao divulgar o calendário hoje, destacou em comunicado a sua importância - "para aperfeiçoar cada vez mais o Exame, possibilitar que os candidatos se programem e possam estabelecer toda uma estratégia de estudos, enfim, possam fazer a sua pauta atendendo a seus interesses pessoais profissionais, preparando-se para a realização das provas".
Ainda segundo Ophir Cavalcante, ao decidir publicar o calendário completo das provas do Exame de Ordem até o final de sua gestão - pré-aprovado pela Coordenação Nacional do Exame de Ordem - "a atual diretoria da OAB pretende com isso dar mais um passo no sentido do aperfeiçoamento do Exame, da profissionalização do Exame, permitindo que os examinandos possam assim melhor planejar e organizar sua vida". Ele completou: "E tenho certeza de que essa iniciativa será muito bem recebida pela sociedade de um modo geral, mas, sobretudo, pelos candidatos".
Segue o comunicado do presidente nacional da OAB sobre o calendário das provas do Exame de Ordem até 24/02/2013:

COMUNICADO

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, no intuito de propiciar a melhor organização dos examinandos, informa o calendário indicativo das próximas edições do Exame de Ordem, pré-aprovado pela Coordenação Nacional do Exame de Ordem:

Ophir Cavalcante Junior
Presidente
(Fonte: Conselho Federal - www.oab.org.br)
Lídice Lannes/Luis Tonucci
Assessoria de Imprensa OAB/MT
imprensaoabmt@gmail.com
www.twitter.com/oabmt
Extraído de: OAB - Mato Grosso - 17 de Outubro de 2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário