quinta-feira, 22 de março de 2012

CAPS de Itacaré amplia os serviços e ganha sede nova

A partir da próxima semana o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Itacaré, que acaba de ter sua unidade reformada, estará disponibilizando os seus serviços também para crianças com problemas psiquiátricos e dependência química. Hoje, a unidade conta com 170 pacientes cadastrados.
O acompanhamento desses pacientes é feito por equipes formadas por médicos psiquiátricos, psicólogos, enfermeiros, assistente social, fisioterapeuta, educador físico e monitores de oficinas. De acordo com o coordenador do CAPS, Gustavo Rigaud, os serviços são disponibilizados não só para os pacientes, mas para os seus familiares também.
Eles terão acesso às oficinas de artesanato e culinária, de segunda à sexta-feira, das 8 às 16 horas. Serão servido almoço e lanches para os pacientes e seus familiares, que ficarão na unidade durante os dois turnos. “Além do tratamento, estaremos oferecendo também a capacitação, dando possibilidade para que as pessoas tenham uma fonte de renda”, explica Gustavo.
Reinserção social - O prefeito Antônio de Anísio afirma que CAPS de Itacaré vem buscando cumprir o seu papel, que é realizar o acompanhamento clínico e a reinserção social dos usuários pelo acesso ao trabalho e fortalecimento dos laços familiares e comunitários. “A nova sede conta com toda a estrutura para atender bem a população”.
A unidade está oferecendo serviços nas modalidades intensivas, semi-intensivas e não intensivas. Os pacientes cadastrados recebem medicamentos. A estrutura do CAPS de Itacaré é composta de sala de espera, consultório, farmácia, sala para oficinas, cozinha, quatro banheiros e sala de reuniões.
A equipe, que é formada por 17 profissionais, está capacitada para realizar atendimento aos pacientes com transtornos mentais graves e persistentes e para os usuários de droga. O CAPS foi totalmente reformado e deverá ser reinaugurado neste sábado, às 10 horas da manhã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário