terça-feira, 23 de abril de 2013

Prefeitura e Infraero unem esforços para reduzir perigo no aeroporto

A Superintendência da Infraero em Ilhéus solicitou ao prefeito Jabes Ribeiro ajuda para solucionar alguns problemas que estão comprometendo a segurança das operações de embarque e desembarque no Aeroporto Jorge Amado, especialmente a presença de aves (principalmente urubus) na trajetória das aeronaves. Em audiência com o prefeito, que contou com a presença do vereador Gurita (PP) e dos secretários de Turismo, Alcides Kruschewsky e de Comunicação, Paixão Barbosa, o superintendente Itaipes Paiva informou que durante os primeiros três meses deste ano já foram registrados quatro impactos de urubus contra aviões, enquanto em todo o ano de 2012 foram anotadas apenas duas ocorrências similares, o que revela a urgência da adoção de providências como forma de evitar um acidente.
Apesar das limitações financeiras impostas pela situação difícil que a Prefeitura atravessa, o prefeito Jabes Ribeiro garantiu que todos os órgãos da administração que atuam nas áreas de limpeza urbana, saneamento e meio ambiente irão trabalhar em conjunto com a Infraero para garantir a segurança das operações do aeroporto. Nesta terça-feira, dia 23, uma equipe da Agência Nacional da Aviação Civil (Anac) estará em Ilhéus para percorrer, junto com técnicos locais da Infraero todos os locais que possam estar atraindo os urubus e outras aves para a rota dos aviões e, em seguida, um detalhado relatório será encaminhado à Prefeitura, para que a administração municipal possa adotar as providências necessárias.
Alguns pontos foram citados por Itaipes Paiva, como a área do bairro Nelson Costa, onde há locais com acúmulo de lixo (apesar das operações de limpeza já realizadas pela Prefeitura nos últimos meses), um córrego que passa dentro da área do aeroporto e que tem sido assoreado pela população vizinha, com o descarte de lixo, um frigorífico localizado nas proximidades do bairro Teotônio Vilela e até um ponto de venda de peixes nas proximidades do porto (para chegar até lá os urubus passam pelas rotas dos aviões). O prefeito assegurou que irá mobilizar as secretarias de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e do Meio Ambiente (Semau), para promover as medidas capazes de reduzir a afluência das aves para as proximidades do aeroporto, seja limpando e desobstruindo o córrego, tomando providências legais para aumentar a limpeza das ruas próximas, organizando pontos de venda para evitar o descarte de resíduos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário