sexta-feira, 21 de junho de 2013

Golden Cargo desenvolve ação socioambiental e doa 3 toneladas de lixo eletrônico

Em 4 anos de existência, projeto denominado TI Verde defende o descarte consciente e a responsabilidade sustentável.
São Paulo, junho de 2013 – A Golden Cargo, empresa especializada no gerenciamento e operação da cadeia logística de mercadorias especiais como defensivos agrícolas e produtos químicos embalados, realiza, desde 2008, a doação correta de lixo eletrônico. Com o projeto denominado TI Verde, a companhia totalizou, em quatro anos de descarte consciente, 3 toneladas de materiais diversos que foram entregues para a ONG Oxigênio.
O projeto TI Verde é uma ação sustentável promovida pela Golden Cargo que consiste no descarte responsável de equipamentos eletrônicos que não serão mais utilizados e na economia de energia elétrica dentro da empresa.
“O TI Verde não é somente descarte, mas também a redução de energia e respeito ao meio ambiente. Atualmente, a cultura e o comportamento prático serão o que realmente farão a diferença e deverão ser estendidos para a vida pessoal dos usuários”, ressalta Marcos Franco, responsável pelo Subcomitê de Sustentabilidade da Golden Cargo.
A empresa iniciou o projeto durante o processo de reestruturação tecnológica e ampliação das unidades. Com isso, as estações de trabalho antigas foram substituídas, considerando a durabilidade do equipamento, desempenho e o baixo consumo de energia elétrica.
“Vimos a necessidade de tratar todo o lixo com responsabilidade ambiental. Em parceria com a ONG Oxigênio, a empresa efetuou as doações de todo material eletrônico antigo com as devidas certificações que garantem o descarte consciente ou a doação para reciclagem”, explica.
A ONG Oxigênio é pioneira no desenvolvimento de reciclagem do lixo eletrônico promovendo o reuso de equipamentos. Através da qualificação profissional de jovens e adultos de baixa renda promove a inclusão digital com o reaproveitamento de computadores.
“Vemos como vital a parceria com a Golden Cargo, pois nos supre com a matéria-prima da qual trabalhamos. O material de informática além de ser descartado corretamente é reaproveitado para ser montado novos computadores pelas mãos de jovens carentes que aprendem uma nova profissão”, afirma José Roberto Borges, presidente da ONG Oxigênio.
Nos próximos anos, a Golden Cargo espera que a ação se estenda ainda mais no meio corporativo e que desenvolva novos meios viáveis de produção de bens ou serviços de forma ecológica. “Em breve, a sustentabilidade e responsabilidade social serão um dos principais requisitos dentro de uma rede de relações comerciais, beneficiando não só pessoas e empresas, mas todo o planeta”, finaliza Franco.

Sobre a Golden Cargo - A história da Golden teve início há 18 anos, com a distribuição de cargas gerais para o Sul do Brasil. Em 1998, a empresa focou seus serviços no segmento agroquímico. Desde então, além de uma frota dotada dos mais avançados sistemas de rastreamento e monitoramento da carga e totalmente adequada ao alto grau de especialização exigido por este mercado, a Golden Cargo vem investindo em centros de armazenagem e distribuição situados nos principais polos agrícolas do país.
A companhia está equipada com toda tecnologia e know how necessários ao cumprimento das rigorosas normas mundiais de saúde, segurança e respeito ao meio ambiente, além da busca continua pela excelência no atendimento de seus clientes. Em 2012, a Golden Cargo registrou um faturamento de R$ 104,4 milhões.
Flávia Gavioli

Nenhum comentário:

Postar um comentário