domingo, 9 de junho de 2013

Polícia Civil da Bahia apreende uma tonelada de drogas em apenas um dia

Uma tonelada de drogas foi apreendida nesta sexta-feira (7) pela Polícia Civil, em Feira de Santana, e num trecho da BR-324 entre aquele município e Salvador, em duas ações distintas da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Feira) e da Coordenadoria de Operações Especiais (COE). A maior parte da droga estava escondida dentro de imóveis em construção, no bairro Feira X. Num veículo dirigido por um ex-presidiário, na BR-324, a equipe da COE encontrou 250 quilos de maconha e 20 quilos de crack.
Na localidade Vila Verde, em Feira X, investigadores da 1ª Coorpin e da Delegacia Territorial do município de Humildes (DT) apreenderam em várias casas desabitadas um total de 712 quilos de maconha prensada, mais de um quilo de cocaína e 132 pedras de crack. Também havia nestes imóveis 21 cartuchos de calibre 38, quatro cartuchos de calibre 9mm, 42 cartuchos de calibre 380 e duas balança de precisão.
Um veiculo Honda Fit, de cor prata, placa JQX- 0697 e uma Motoneta Honda Biz 125, de cor vermelha, placa NTW-0799, encontrados no local, também continham drogas em seus compartimentos. O paulista Jair de Souza Santana, de 29 anos, responsável pela guarda da maconha, da cocaína, do crack e do armamento da quadrilha, foi conduzido para a Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE/Feira), bem como todo o material apreendido. Outros integrantes do bando são procurados pela polícia.
Estrada – Na imediação de um posto de pedágio na BR-324, a equipe da COE flagrou o ex-presidiário Admes Gomes da Silva, de 24 anos, transportando cerca de 250 quilos de maconha e 20 quilos de crak, num veículo Classic. As drogas viriam de Feira de Santana para Salvador, segundo apurou o coordenador da COE, delegado Cleandro Pimenta, que à tarde, apresentou o traficante e o material apreendido à imprensa, na sede da coordenadoria, em São Cristovão do Aeroporto.
A maconha e o crack, distribuídos em tabletes pesando um quilo, cada, estavam escondidos no porta-malas e no interior do Classic. Autuado em flagrante por tráfico, Admes afirmou que receberia instruções, por telefone, sobre o local da entrega,em Salvador. A polícia busca identificar e prender o fornecedor e o comprador da drogas.
Envolvido em assaltos, o traficante havia saído há apenas dois meses da Unidade Especial Disciplinar (UED, no Complexo Penitenciário da Mata Escura, através de um alvará de soltura. Ele cumpria pena por roubo de veículo. As drogas e o Classic serão periciados no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Nenhum comentário:

Postar um comentário