quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Novo sistema de esgotamento sanitário atende 50% dos imóveis de Mucuri

O sistema de esgotamento sanitário (SES) de Mucuri, cidade localizada no extremo sul da Bahia, vai ser inaugurado oficialmente neste sábado (15), às 9h30, em evento na Praça da Prefeitura, com a presença do governador Jaques Wagner e do presidente da Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A (Embasa), Abelardo de Oliveira Filho.
Em operação desde o final de 2013, o sistema garante coleta e tratamento de esgoto de 50% dos imóveis da sede municipal, contribuindo para a despoluição do Rio Mucuri. Antes da conclusão do novo SES, só 3% da cidade tinham cobertura do serviço de esgotamento sanitário. Situada no litoral e visitada por turistas em busca de suas bonitas praias, Mucuri tem atualmente rede de esgotamento com capacidade para atender dois mil imóveis.
Com investimento da ordem de R$ 14 milhões da Caixa Econômica Federal, Governo do Estado e da Embasa, foi implantado o sistema que consiste de 30,4 quilômetros de tubulação e seis estações de bombeamento, uma estação com capacidade para tratar 33 litros de esgoto por segundo e um emissário final, que tem 603 metros de extensão e lança o efluente tratado no Rio Mucuri.

Ligações domiciliares
Segundo o gerente do Departamento de Esgotamento Sanitário da unidade regional da Embasa, que atende às cidades do extremo sul baiano, Severino Evangelista Neto, a empresa recebeu 1.700 autorizações de moradores para executar ligações domiciliares.
As 300 ligações restantes devem ser feitas por conta do morador ou proprietário do imóvel, no prazo de 90 dias a contar da data de recebimento da notificação sobre a disponibilização do serviço. Conforme a legislação estadual e nacional, é obrigação do morador ou proprietário ligar o imóvel à rede pública de esgotamento sanitário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário