quinta-feira, 30 de julho de 2015

Reformada, Policlínica Halil Medauar, em Ilhéus, ganha Núcleo de Cardiologia

A obra de reforma da Policlínica Halil Medauar, no bairro Conquista, foi entregue nesta quarta-feira, 29. Durante a manhã, o prefeito Jabes Ribeiro que vistoriou os serviços realizados na unidade.
Além de ter sido revitalizada, a unidade, inaugurada em junho de 2000, durante o último governo de Ribeiro, teve um incremento em seus serviços, passando a contar com salas climatizad

as, núcleo de cardiologia e novos equipamentos de ginecologia e odontologia. De acordo com o prefeito, a atual administração investiu, em dois anos, mais de 2 milhões de reais em reformas de postos de saúde em bairros e distritos, proporcionado atendimento de qualidade para a população ilheense”.
Capacidade – Atualmente, são feitos 150 atendimentos por dia, todos pelos SUS. Após a reforma e ampliação dos serviços, a coordenadora administrativa, Helane Rocha, diz que a unidade dobrará a sua capacidade, chegando a atender 300 pacientes/dia. O equipamento funciona de segunda à sexta, das 7h às 17h, exceto feriado.
A Policlínica Halil Medauar realiza atendimentos especializados em diversas áreas: cardiologia, dermatologia, urologia, gastroenterologia, proctologia, oncologia, reumatologia, cirurgia plástica corretivas, psicologia infantil, odontologia (infantil/adulto), angiologia, pneumologia, ultrassonografia. Além de realização de pequenas cirurgias, possui farmácia e sala de curativos.
Cardiologia - A unidade ganhou uma ala especial de cardiologia, com dois especialistas atendendo e aquisição de equipamentos para exames: eletrocardiograma, ecocardiograma, teste ergométrico, mapa 24 horas e holter.
Obra – Iniciada em março deste ano, a obra consistiu na troca do telhado, instalação de grades, substituição de todas as janelas das salas de atendimento do térreo e plotagem, pintura, revisão das calhas, substituição de pia, instalação de bancadas nas salas de odontologia, novo balcão na recepção e aquisição de duas TVs de 39 polegadas, uma para cada sala de espera.

Nenhum comentário:

Postar um comentário