LUIZA

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Prefeitura e Embrapa orientam manejo de abacaxi a agricultores


Técnicos da Embrapa Fruticultura com o apoio da Prefeitura de Itabuna ensinaram a um grupo de 12 agricultores familiares da região novas técnicas de manejo do abacaxi da variedade BRS Imperial. O curso se dá dez meses após a entrega das mudas da fruta que serão distribuídas no município, sendo este o terceiro encontro onde houve a demonstração do manejo.

Os pesquisadores da Embrapa, o agrônomo e entomologista Nilton F. Sanches e o engenheiro agrônomo Davi Theodoro Junghans esclarecem dúvidas dos agricultores familiares, depois da palestra onde focaram as novas técnicas em atividade de campo em uma das propriedades rurais escolhidas pela Embrapa para o experimento. Entre os esclarecimentos, os técnicos destacaram a importância do monitoramento da plantação o que garante aos agricultores uma economia de 38 % em insumos.

Também falaram da importância da análise química do solo antes de iniciar a plantação e a ordem de plantio das mudas que pode variar entre filas simples e dupla, além do espaçamento. “Para o bom desenvolvimento do fruto, em solos altos e arenosos é preciso muita atenção a partir do segundo mês. A planta é resistente a fusariose, mas ainda assim é preciso uma série de outras ações do produtor para o monitoramento de pragas. Quanto mais cedo o diagnóstico mais fácil serão sanados os ataques”, explicou Davi Junghans.

Para o agricultor João Batista, o popular Boki do Assentamento Sarampo, em Canavieiras, o dia de campo desenvolvido pela equipe da Embrapa garantiu o suporte necessário para o andamento de sua a plantação de abacaxis, com previsão de futuramente alcançar bons resultados na colheita. “Com essa capacitação de hoje, onde participo pela terceira vez a gene vê empenho da Embrapa em colher fazer o agricultor colher bons resultados, pois, além de doar as mudas orienta para o manejo correto, afirmou.

A oportunidade também foi bastante comemorada pela agricultora Sandra Gorete Rodrigues Evangelista que integra os programas desenvolvidos pela Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente – Seagrima, na região do Morumbi. No mês março recebeu ela 5 mil mudas do fruto. “Esse apoio e suporte técnico é muito bom para nós que não temos condições financeiras de pagar consultoria agrícola. O trabalho que a Prefeitura vem realizando juntamente com a Embrapa nos garantiu esse suporte”, disse.

Este reconhecimento, segundo o secretário de Agricultura, Lanns Almeida Filho, é fruto de um trabalho de toda a equipe técnica da Seagrima que leva oportunidades aos pequenos produtores. “O dia de campo vem fortalecer o agricultor. Além disso, realizamos projetos voltados ao suporte técnico como, por exemplo, o Agricultura em Ação, que leva ao campo engenheiros e técnicos que analisam as condições do solo, clima, água e de plantio e orientam os agricultores”, concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário