LUIZA

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

BMG, CAIXA E ITAÚ ENTRE OS PRIMEIROS NO RANKING DE RECLAMAÇÕES EM JANEIRO

O BMG alcançou a liderança do ranking de reclamações ao Banco Central em janeiro. A instituição financeira teve 158 queixas consideradas procedentes e índice 71,85. O levantamento do BC apontou que a reclamação mais comum dos clientes foi a não contratação, ou contratação inadequada, de cartão de crédito consignado (55).Na vice-liderança do incômodo ranking aparece a Caixa, com 842 queixas procedentes e índice 10,73. No ano passado, o banco público esteve no topo da lista por sete meses, consolidando a liderança também no acumulado de 2015. A instituição perdeu mais de 3 mil empregados que aderiram ao seu PAA (Plano de Apoio a Aposentadoria) e admitiu apenas 7,54% dos 32.879 candidatos aprovados em concurso público realizado em 2014. O banco conta hoje com uma média de 23 empregados por unidade, a pior situação desde 2003.
Após a Caixa, em terceiro lugar, está o Itaú (480 queixas e índice 7,99); seguido pelo Bradesco (591 queixas e índice 7,65); e Santander (188 queixas e índice 5,57).
Ranking do Banco Central – Para elaborar o ranking, as reclamações são divididas pelo número de clientes da instituição financeira que originou a demanda e multiplicadas por 1 milhão. Assim, é gerado o índice, que representa o número de reclamações de cada instituição financeira para cada grupo de 1 milhão de clientes. (SP Bancários)

Nenhum comentário:

Postar um comentário