terça-feira, 17 de maio de 2016

Presidente da Caixa defende privatização

O indicado para assumir a presidência da Caixa, Gilberto Occhi, ainda nem assumiu, mas já mostra para que vem e, em entrevista, disse ser favorável à abertura de capital do banco. Em outras palavras, a privatização.
O movimento sindical vinha alertando à sociedade aos prejuízos do governo Michel Temer, caso o golpe desse certo. O programa Ponte para o Futuro prevê uma série de privatização, inclusive do principal banco público do país, responsável por importantes projetos de inclusão social.
Na semana passada, Gilberto Occhi já havia declarado ser favorável à venda de importantes setores da instituição financeira, como de seguros, loterias e cartões da Caixa.
O presidente da Federação da Bahia e Sergipe, Emanoel Souza, reafirma que a luta contra as privatizações tem de retornar com toda a força. "É hora de voltar a usar a camisa da Caixa 100% Pública". (SBBA)

Nenhum comentário:

Postar um comentário