LUIZA

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Governador Colombo viaja aos EUA para tratar do SC Rural com diretoria do Banco Mundial

O governador Raimundo Colombo inicia nesta terça-feira, 8, uma viagem oficial aos Estados Unidos para fazer um balanço e tratar da renovação do programa SC Rural junto à direção do Banco Mundial, órgão financiador da iniciativa que beneficia produtores rurais de todas as regiões de Santa Catarina. O programa é reconhecido como exemplo de política pública voltada para agricultura familiar. O SC Rural começou em 2011 e termina neste ano. É executado pelo Governo do Estado em parceria com o Banco Mundial e destina recursos não reembolsáveis a empreendimentos da agricultura familiar, mediante contrapartida dos beneficiários. Os empreendimentos apoiados abrangem atividades agrícolas ou não agrícolas (como o turismo rural) por meio de projetos de caráter estruturante, de melhorias de sistemas produtivos ou planos de negócios, além de outras ações implementadas por cooperativas e associações de agricultores familiares. Também promove iniciativas para inclusão digital e tecnológica.
O programa é coordenado pela Secretaria da Agricultura e executado pela Epagri, Cidasc, Fatma, Polícia Militar Ambiental, Secretaria de Turismo, Cultura e Esportes, Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Secretaria de Infraestrutura.
Em 2016, o SC Rural investiu R$ 54 milhões em ações que vão desde melhorias na infraestrutura do meio rural, passando por ações no meio ambiente e turismo, até o apoio a empreendimentos da agricultura familiar. “Eu não tenho dúvidas de que o SC Rural é hoje a melhor experiência no meio rural do Brasil. Tenho certeza que não existe nada no Brasil que tenha avançado tanto nessa área”, afirma o secretário executivo do SC Rural, Julio Cezar Bodanese.

A viagem
O governador estará em viagem entre os dias 8 e 13 de agosto, período em que o vice Eduardo Pinho Moreira assume o governo catarinense. Em Washington DC, Colombo terá reunião com diretor Joaquim Levy, diretor-geral e diretor financeiro do Banco Mundial. Nos dias 11 e 12, o governador estará em agenda particular e no dia 13 viaja de volta a Santa Catarina.
Essa será a 15ª missão internacional liderada pelo governador Colombo desde 2011, sendo que destas cinco foram no atual mandato.

Alexandre Lenzi

Nenhum comentário:

Postar um comentário