quarta-feira, 6 de março de 2019

Comandante da PM desmente Neto sobre pipoca de Kannário: ‘Estávamos presentes’


Após o prefeito ACM Neto declarar que não havia policial militar fazendo patrulhamento na pipoca do cantor Igor Kannário ontem (4), no Campo Grande, o comandante-geral da PM, Anselmo Brandão, negou a ausência ao Metro1, na tarde de hoje. “Nós estávamos presentes. Não precisamos entrar em ação, porque não houve registro de violência”, afirmou ele.
Quanto ao episódio em que foliões arremessaram objetos contra a Guarda Municipal, Brandão explicou que foi um local específico onde a PM não estava. “Mas o circuito estava cercado de policiais”, completou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário