quarta-feira, 19 de junho de 2019

Suspeito de agredir travesti em Iguatu é autuado por lesão corporal dolosa

Uma investigação realizada pela Delegacia Regional de Iguatu, na Área Integrada de Segurança 21 (AIS 21), resultou na elucidação de denúncia de agressão cometida contra uma travesti, no último dia 8 de junho. Por meio de diligências, a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) chegou ao agressor, que foi autuado por lesão corporal dolosa. A autuação aconteceu nessa segunda-feira (17).
O caso foi noticiado à Polícia Civil pela vítima de 35 anos. De acordo com as apurações, as agressões iniciaram após o homem se negar a pagar a quantia de R$ 50,00, referente à realização de um programa sexual. Na ocasião, populares intervieram e evitaram que as agressões continuassem. A travesti foi submetida a exames na Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e as apurações seguiram em andamento.
O autor das agressões, um homem de 39 anos, foi identificado e ouvido na sede da Delegacia Regional de Iguatu. Ele foi indiciado em um inquérito por portaria por lesão corporal dolosa. Em depoimento, o suspeito alegou que é dependente químico e que a confusão com a vítima aconteceu após um pedido de informação sobre onde ele poderia comprar drogas. Com o indiciamento, agora o suspeito se encontra à disposição da Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário