sexta-feira, 5 de junho de 2020

Polícia alemã acredita que Madeleine McCann está morta e caso ganha novo suspeito


Um homem de 43 anos que está preso na Alemanha é o novo suspeito no caso de Madeleine McCann, menina britânica que desapareceu aos três anos, em 2007, em uma casa de praia em Portugal, durante férias.
O novo investigado está na cadeia por crimes de pedofilia. Ele viajou até Portugal de van na mesma época e a polícia acredita que ele estava na área onde a criança foi vista pela última vez. Está em apuração ainda um outro veículo, um Jaguar, que era de posse do homem e foi transferido para o nome de outra pessoa no dia seguinte ao sumiço de Madeleine.
O promotor à frente do caso, Hans Christian Wolters, afirmou ontem (3) que o grupo que investiga o desaparecimento da menina assumiu que ela foi assassinada. “Nós assumimos que a garota está morta”, afirmou ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário