domingo, 8 de novembro de 2020

Presos recebem atendimento odontológico na Cadeia de Natal

Uma unidade odontológica móvel do município de Natal está instalada na Cadeia Pública, na Zona Norte, para a realização de atendimento aos internos. Serão 15 dias de ações na unidade, num mutirão para o tratamento dos presos em situação mais urgente. A maior parte dos procedimentos é de extração cirúrgica dos dentes. A Cadeia Pública de Natal abriga 430 presos provisórios. Uma vez na semana, um cirurgião dentista do Programa de Saúde Prisional da Prefeitura de Natal vai a unidade para realizar atendimentos. Mas devido a pandemia do novo coronavírus, esse serviço ficou prejudicado. “Diante a dificuldade provocada pela Covid-19 e da demanda reprimida solicitamos que fosse realizado esse mutirão. A saúde do interno interfere diretamente na rotina do presídio. Um problema odontológico simples, por exemplo, senão for tratado logo pode complicar para um tratamento externo e demandar escolta e acompanhamento dos policiais penais no hospital, o que impacta na diminuição do efetivo e comprometimento da segurança", explicou o diretor Arthur Cavalcanti. O atendimento é realizado por um cirurgião dentista especialista em endodontia que também presta serviço na Unidade Psiquiátrica de Custódia e Tratamento, além da Penitenciária Dr. João Chaves, nas unidades masculino e feminino. O profissional, com cinco anos de experiência no sistema prisional, explica que a maioria dos procedimentos realizados é de extração dental, mas também são realizados restaurações, remoção de tártaro e limpeza bucal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário