sexta-feira, 19 de março de 2021

Professora da Uesc é co-autora do livro “The Routledge Companion to Black Women’s Cultural Histories”

A professora Flávia Alessandra de Souza do Departamento de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Santa Cruz (DFCH/Uesc) é uma das autoras do livro “The Routledge Companion to Black Women’s Cultural Histories” (Associação Routledge para histórias culturais de mulheres negras) que foi lançado quarta-feira (17) em seu site. A obra tem como organizadora a doutora Janell Hobson (professora da Universidade do Estado de New York e diretora do Departamento de Estudos de Mulheres, Gênero e Sexualidade em Albany) e foi elaborada por uma rede internacional de mulheres negras pesquisadoras. A professora Flávia Alessandra (DFCH/Uesc) juntamente com a professora Valquíria Pereira Tenório (IFSP) são autoras do capítulo 31, da edição “Sites of Resistance: Black Women and Beauty in Brazilian Communities of São Paulo and Bahia” (Espaços de resistência: Mulheres negras e beleza em comunidades brasileiras de São Paulo e Bahia). Nas histórias sociais e culturais das mulheres e do feminismo, as mulheres negras há muito tempo foram negligenciadas ou ignoradas. “The Routledge Companion to Black Women''''s Cultural Histories” é um trabalho de referência impressionante e abrangente para bolsa de estudos contemporânea sobre as histórias culturais das mulheres negras em toda a diáspora, abrangendo diferentes eras desde os tempos antigos até o século XXI. Composto por mais de 30 capítulos por uma equipe de colaboradores internacionais, a “Associação” é dividida em cinco partes: Um passado fragmentado, um futuro inclusivo; Histórias contestadas, memórias subversivas; Vidas de gênero, estruturas raciais; Mudanças culturais, mudança social e Identidades negras, formações feministas. Nessas seções, uma gama diversificada de mulheres, lugares e questões são explorados, incluindo antigas rainhas africanas, mulheres negras na arte e cultura europeia moderna, mulheres muçulmanas escravizadas nos Estados Unidos antes da guerra, Sally Hemings, Phillis Wheatley, escritoras negras na Paris do início do século XX, mulheres negras, direitos civis, apartheid sul-africano e violência e resistência sexual nos Estados Unidos na história recente. “A Associação Routledge para histórias culturais de mulheres negras”, editado por Janell Hobson, é uma leitura essencial para estudantes e pesquisadores em estudos de gênero, história, estudos africanos e estudos culturais.
Editora
A editora Routledge (que é a maior do mundo em Ciências Sociais e tem publicado obras de intelectuais críticos tais como Bell Hooks e Noam Chomsky, por exemplo) disponibilizou livro para venda nas versões física e digital, por meio do link https://www.routledge.com/The-Routledge-Companion-to-Black-Womens-Cultural-Histories/Hobson/p/book/9780367198374.

Nenhum comentário:

Postar um comentário