quarta-feira, 18 de agosto de 2021

Ferramenta para quebra do coco babaçu é finalista no Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2021

A Embrapa Cocais, juntamente com representantes das quebradeiras de coco e uma micro empresa desenvolveram uma tecnologia social para a quebra do coco babaçu que melhora as condições de trabalho, a eficiência, o conforto e a segurança da atividade de milhares de quebradeiras de coco de comunidades extrativistas do babaçu. É uma ferramenta de uso individual para quebra do coco babaçu, acionada manualmente pela mulher que trabalha sentada em uma cadeira de posição regulável, com melhor ergonomia, rendimento do trabalho e aproveitamento integral dos componentes do fruto, agregando valor aos subprodutos e renda para as famílias. A ferramenta é uma das finalistas no Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2021 e foi selecionada considerando-se a efetividade, inovação, sistematização da tecnologia e a interação com a comunidade. As vencedoras serão anunciadas no evento previsto para acontecer em outubro. Os recursos para a o desenvolvimento da tecnologia inovadora vieram da Fundação de Amparo e Desenvolvimento Científico do Maranhão – FAPEMA e do Fundo Mundial para o Meio Ambiente (GEF), por meio do Projeto Bem Diverso, fruto da parceria entre Embrapa e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Para ler a matéria na íntegra, clique aqui..

Nenhum comentário:

Postar um comentário