terça-feira, 31 de maio de 2022

Traficantes que vendiam drogas por delivery são presos

Oito meses de investigações realizadas por equipes Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) e da 1ª Delegacia Territorial (DT) de Porto Seguro, resultaram na prisão de cinco integrantes de um grupo criminoso e a desarticulação de um esquema de tráfico de drogas, nesta segunda-feira (30). Os envolvidos utilizavam a modalidade de entrega em domicílio, conhecida também como delivery, para vender os entorpecentes, naquele município. As ações ocorreram durante uma operação realizada em Porto Seguro, onde foram cumpridos quatro mandados de prisão e uma pessoa foi presa em flagrante. Com os envolvidos foram apreendidos 685 comprimidos de ecstasy, barras de maconha pesando 16,5 Kg, porções de haxixe e cocaína, uma pistola e 46 munições calibres 380, além de R$ 5.126,00. O coordenador da 23ª Coorpin / Eunápolis, delegado Moisés Damasceno, pontuou uma prisão que antecedeu a operação. "Um dos investigados, preso em setembro de 2021, utilizava a atividade de motorista de aplicativo para camuflar e facilitar o tráfico de drogas. A retirada destas pessoas as ruas tende a enfraquecer este tipo de crime e os seus derivados", comentou. Também atuaram na operação, policiais da 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Eunápolis), da 2ª DT / Porto Seguro, Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur / Porto Seguro) e da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) de Eunápolis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário