quinta-feira, 14 de outubro de 2021

Doutorando da Udesc Lages recebe prêmio internacional com estudo de teste de Covid

O doutorando Anderson Albino Gomes, do Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV) da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) em Lages, ganhou o prêmio de melhor trabalho apresentado em um evento internacional on-line, que ocorreu de 4 a 8 de outubro. Gomes recebeu o Prêmio Fundape-SBBq de melhor pôster em Biologia Molecular apresentado por um estudante de pós-graduação. Com o título "Development of SARS-CoV-2 Spike protein binding peptides for covid diagnosis", o estudo faz parte de um projeto, iniciado em 2020, para criar um novo kit de detecção do coronavírus. Durante o evento ocorreram, simultaneamente, o 20º Congresso da União Internacional para a Biofísica Pura e Aplicada (IUPAB), o 45º Encontro Anual da Sociedade Brasileira de Biofísica (SBBf) e o 50º Encontro Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica (SBBq). Foram apresentados 527 trabalhos de diversos países, dos quais 33 foram finalistas, concorrendo com Gomes. "É muito gratificante ser premiado pela Fundape Award que, no momento de pandemia em que vivemos, traz energias para permanecermos firmes. Mas esta premiação não é apenas minha. Divido a honra desse prêmio com meus orientadores e colegas de laboratório", disse o doutorando. O desenvolvimento do teste inovador para diagnóstico da Covid-19 aconteceu no Laboratório de Bioquímica da Udesc Lages, onde os pesquisadores do Programa Multicêntrico de Pós-Graduação em Bioquímica e Biologia Molecular formularam um kit mais rápido, mais simples e mais barato que os oferecidos atualmente. Eles produziram um peptídeo, ou seja, uma molécula que reconhece o vírus e se liga a ele. Depois, acrescentaram estruturas químicas que servem como sinalizador e identificam o vírus. A vantagem do novo teste é que o material coletado dos pacientes não precisa passar por várias análises. Segundo Gomes, a equipe de pesquisadores ainda está trabalhando para melhorar o teste, que já teve eficácia comprovada na detecção do vírus. "Estamos trabalhando, arduamente, e os resultados obtidos até o momento são apenas uma parte do todo. Este reconhecimento reforça que estamos seguindo o caminho certo da ciência", afirmou. Para a coordenadora dos estudos e orientadora do doutorando, professora Maria de Lourdes Borba Magalhães, o prêmio demonstra que é possível fazer ciência de qualidade fora dos grandes programas consolidados no país: "Um trabalho realizado no interior de Santa Catarina, sendo reconhecido como o melhor entre mais de 500 trabalhos nacionais e internacionais. Sem a existência do Programa Multicêntrico, nada disso seria possível." Gomes ingressou no Laboratório de Bioquímica da Udesc Lages como bolsista, ainda no ensino médio. Depois, foi admitido como aluno de graduação em Engenharia Ambiental e permaneceu no laboratório realizando iniciação científica. Em 2020, tornou-se mestre em Bioquímica e Biologia Molecular pelo Programa Multicêntrico, do qual agora integra o quadro de doutorandos. "O Anderson é o primeiro autor de vários estudos de alto impacto. Já foi premiado pela SBBq e é um grande exemplo de como o Programa Multicêntrico pode dar oportunidades para estes talentos escondidos nos quatro cantos do País", avaliou a professora Maria de Lourdes.

Investigação da Polícia Civil do Ceará resulta na prisão na Argentina de suspeito de armazenar cerca de 800 kg de drogas em Fortaleza

Uma investigação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), por meio da Delegacia de Narcóticos (Denarc), resultou na prisão de um cearense em solo argentino, no último dia 07. O homem é suspeito de ser o responsável pelo armazenamento de cerca de 800 quilos de drogas que foram apreendidos pela Polícia Militar do Ceará (PMCE), no dia 11 de setembro, em um terreno particular localizado na Avenida Carneiro de Mendonça, no bairro Demócrito Rocha, na Capital cearense. Detalhes do trabalho policial foram divulgados, na manhã de hoje (13), na sede da Superintendência da Polícia Civil, no Centro de Fortaleza, em coletiva de imprensa. Paulo Henrique Ferreira dos Santos, de 39 anos, que já registrava antecedentes criminais e foi preso pela Polícia Federal durante a “Operação Cardume” em 2015, foi capturado no último dia 07 de outubro, na cidade de Puerto Madryn, no sul da Argentina, quando tentava tirar visto de residência no órgão responsável pela migração – Direccion Nacional de Migraciones (DNM). As investigações apontam que o suspeito chegou, em um voo fretado, na Argentina no mesmo dia em que a Polícia Militar do Ceará apreendeu os cerca de 800 quilos de entorpecentes, que estavam escondidos em um lava-jato de propriedade dele. Após a apreensão, as investigações conduzidas pela Polícia Civil do Ceará foram compartilhadas com a Polícia Federal e a Interpol. Contra o suspeito foi colocado um sinal de alerta vermelho da Interpol pelo mandado de prisão em aberto no Brasil, solicitado pela PC-CE, pelo crime de tráfico de drogas. Agora, o suspeito passa por processo na Argentina, para ser extraditado ao Ceará, onde deverá responder pelo crime de tráfico de drogas. A Polícia Militar realizou a apreensão de, aproximadamente, 800 quilos de entorpecentes, entre maconha e crack, na tarde do dia 11 de setembro, no bairro Demócrito Rocha, pertencente à Área Integrada de Segurança 5 (AIS 5) de Fortaleza. A ação foi efetivada pelo trabalho em conjunto dos policiais militares da Assessoria de Inteligência (Asint) e do Comando Tático Motorizado (Cotam) do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque). Com as apurações, os militares chegaram ao terreno no bairro Demócrito Rocha, onde havia um indivíduo fazendo a vigilância do imóvel. Com a permissão do vigilante, os policiais militares adentraram para realizar vistoria do local. No interior do terreno havia um lava-jato desativado com vários carros de uma concessionária e uma residência, onde foi encontrada a grande quantidade de entorpecentes. Após o trabalho investigativo desenvolvido pela Denarc, o dono do local e responsável pela droga, foi identificado e preso.

Polícia Civil prende homem pela segunda vez em dois anos por tráfico de drogas em Cabedelo

A Polícia Civil da Paraíba, através de ações desenvolvidas pelo Núcleo de Homicídios e Repressão Qualificada de Cabedelo (3ª DSPC), prendeu nesta quarta-feira, 13, um homem de 20 anos por tráfico de drogas. A prisão ocorreu no bairro Ponta de Mato, em Cabedelo. Segundo o delegado Diego Garcia, esta é a segunda vez que o homem é preso em flagrante. A primeira foi há dois anos. Com ele a Polícia encontrou entorpecente do tipo maconha (skank) e crack, além da quantia trocada de aproximadamente R$ 5.000,00 (cinco mil Reais). Essa foi mais uma ação da 3ª Delegacia Seccional de Polícia Civil (3ª DSPC), com sede em Cabedelo, no combate ao tráfico de drogas e outros crimes na região. A População pode colaborar com a Polícia Civil fazendo qualquer tipo de denúncia através do número 197 (Disque-Denúncia). A ligação é gratuita e anônima, garantindo o sigilo absoluto. 

quarta-feira, 13 de outubro de 2021

ACADEPOL-MA REALIZA 2ª COPA KARATÊ-DO COM ALUNOS DO PROJETO IKIGAI


Foi realizada na manhã do último sábado (9), a 2ª edição da Copa de Karatê-do promovida pela Academia de Polícia Civil do Maranhão (ACADEPOL-MA) com crianças e adolescentes do projeto Ikigai e das Academias Seiryu-kan e Yoi de Barreirinhas. O evento que foi realizado em comemoração ao Dia das Crianças contou com as participações de 48 competidores.
O projeto Ikigai foi criado em 2016 pela ACADEPOL-MA com o objetivo de afastar crianças e adolescentes do bairro São Raimundo e adjacências às margens da criminalidade. As aulas de karatê são oferecidas gratuitamente da sede da academia para o aluno que esteja frequentando regularmente a escola. Com a grande evolução dos alunos nos últimos 5 anos dentro do projeto, a ACADEPOL viu a necessidade de desenvolver campeonatos e torneios, como forma de revelar novos talentos em artes marciais.

terça-feira, 12 de outubro de 2021

Policiais civis ‘perseguem’ suspeitos e recuperam veículo roubado em Lagoa Seca


A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Lagoa Seca, recuperou o veículo roubado de um morador do sítio Pai Domingos, crime ocorrido nessa terça-feira, 5 de outubro. A vítima teve sua residência invadida por dois homens que chegaram em uma moto anunciando o roubo. Os assaltantes levaram o carro, um notebook e a quantia de R$ 650,00 do morador. Nessa quinta-feira, 7, os policiais civis daquela delegacia receberam uma informação de que o veículo havia acabado de passar em determinado local e foram até o ponto indicado. Ao se deparar com os suspeitos, os policiais iniciaram uma ‘perseguição’, e os condutores abandonaram o veículo. Em seguida, eles correram por dentro da mata. O carro foi levado para a Central de Polícia Civil de Campina Grande e entregue ao proprietário. A Polícia Civil continua investigando os autores do roubo.

Polícia Civil prende quatro por assaltos e pela prática de outros crimes no bairro do Cristo, em João Pessoa


A Polícia Civil da Paraíba, através do trabalho de investigação da Delegacia de Crimes contra o Patrimônio da capital – DCCPAT, prendeu em flagrante na manhã deste sábado, 2, quatro pessoas na comunidade Bela Vista, bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa. Segundo o delegado João Paulo Amazonas, os presos são suspeitos são de cometerem diversos assaltos, inclusive um deles praticado na tarde de ontem. "Os autuados foram flagrados com objetos roubados, duas armas de fogo, diversas munições calibre.38, drogas (crack, maconha e cocaína), dinheiro fracionado e centenas de pinos usados para acondicionar entorpecentes.", disse o delegado. Três dos autuados já foram apreendidos por fato análogo a roubo majorado, e também respondem por homicídios e porte ilegal de arma. "Além dos crimes patrimoniais cometidos, todos responderão pelo tráfico de drogas, associação ao tráfico, corrupção de menores, receptação e porte de armas de fogo", concluiu João Paulo Amazonas. Essa foi mais uma ação incisiva da DCCPAT, com foco no combate ao crime patrimonial. A população pode colaborar com a Polícia Civil fazendo qualquer tipo de denúncia através do número 197 (Disque-Denúncia). A ligação é gratuita e anônima, garantindo sigilo absoluto.

segunda-feira, 11 de outubro de 2021

A ELITE MINHOCA

Em entrevista à rádio Interativa FM na manhã deste sábado, 09 de outubro, o vereador Manoel Porfirio manifestou sua fúria contra os cidadãos que protestaram contra a mini reforma tributária aprovada pela Câmara Municipal de Itabuna. O edil disse que os cidadãos-manifestantes nunca tinham ido à Câmara e que naquele dia brotaram da terra como minhocas. Se o vereador quis agredir ou humilhar, ele se deu muito mal. A minhoca é o ser que mantém fértil o solo para o cultivo. Somos nós, empresários e trabalhadores, as minhocas que mantém fértil esse solo grapiuna. Somos nós que acreditamos nesta terra, geramos empregos e pagamos impostos para sustentar os (muita vezes péssimos) serviços públicos. Somos nós, inclusive, que pagamos o salário do vereador. Completando o show de horrores que foi a entrevista, um dos apresentadores disse que o último prefeito que representou a aristocracia itabunense foi Ubaldo, que tivemos prefeito vaqueiro, ceplaqueano, policial e porteiro e que a elite não suporta isso. E não suportamos mesmo. Graças às infelizes e péssimas administrações de Fernando Gomes, Geraldo, Azevedo e Vane, Itabuna hoje é referência em violência, é uma cidade desorganizada e tem péssimos índices sociais estando nas últimas colocações no Brasil no índice IDEB. A verborreia estéril proferida na entrevista deixa evidente o despreparo dos nossos gestores, a falta de argumentos construtivos, a incapacidade de oferecer a cidade e aos munícipes algo produtivo. É hora de a "ELITE MINHOCA" brotar da terra e reconstruir o que incompetentes destruíram.
EDUARDO CARQUEIJA JR.

sexta-feira, 8 de outubro de 2021

Zeca de Abreu e Luiz Marfuz são convidados do “Conversas Plugadas”

No dia 23 de setembro, quinta-feira, o projeto “Conversas Plugadas” passeará pelo processo criativo do espetáculo “A Filha da Monga”, que fará temporada no Domingo no TCA deste mês. Por isso, o papo contará com a presença da atriz e diretora Zeca de Abreu, protagonista do solo, ao lado do dramaturgo, diretor, jornalista e professor Luiz Marfuz, responsável pelo texto e direção da peça. O papo será mediado pelo escritor Raimundo Matos, e terá transmissão ao vivo diretamente da Sala do Coro do Teatro Castro Alves, às 19h, no perfil do TCA no Instagram (@teatrocastroalvesoficial). Nesta edição do “Conversas Plugadas”, a obra “A Filha da Monga”, que celebra os 30 anos de carreira de Zeca, é o foco do debate. O monólogo traz texto inédito de Luiz Marfuz, e nasce como resultado da formatura de Zeca pela Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia (UFBA). O solo marca o encerramento de um ciclo interrompido três décadas atrás, quando a artista deixava a graduação para atuar em suas primeiras peças profissionais. O público poderá interagir, enviando suas perguntas e comentários, que serão transmitidas à dupla convidada pelo mediador da noite. Zeca de Abreu e Luiz de Marfuz compartilharão algumas das suas experiências criativas nos bastidores de “A Filha da Monga”, contando sobre inspirações, desafios e reflexões sobre o teatro pensado para um registro audiovisual. Zeca de Abreu – Com 30 anos de carreira teatral, Zeca de Abreu é atriz, diretora e produtora. Fundadora da Ouroboros Companhia de Investigação teatral, criada em 2003 inicialmente com o nome Trupe da Zequinha, grupo com o qual dirigiu os espetáculos "H2O Uma Fórmula de Amor", com texto de Elísio Lopes Junior e direção de Zeca de Abreu, montagem vencedora do Prêmio Braskem de Teatro de melhor espetáculo infantojuvenil; “Cartas Portuguesas”, primeiro solo da atriz Zeca de Abreu, com direção de Cristina Leifer; "Destinatário Desconhecido", versão teatral de Gil Vicente Tavares para o romance da autora norte-americana Kathrine Kressmann Taylor; "Distopias", entre outros. Zeca também foi premiada como Melhor Atriz pela peça “Um Prato de Mingau para Helga Brown”, na Bahia, e em Florianópolis ganhou o Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante no Festival de Teatro Isnard Azevedo, com a peça “Pontapé”. Participou de inúmeros trabalhos no cinema, como os filmes "Irmã Dulce", de Vicente Amorim, "Cidade Baixa", de Sergio Machado, "Depois da Chuva", de Claudio Marques e Marilia Hughes, "O Homem que não dormia" e "Eu me Lembro", de Edgard Navarro, entre outros. Na televisão, protagonizou a série "A Saga de Marizete", que realizou três temporadas no Mosaico Baiano, da TV Bahia, mesmo programa onde apresentou o quadro "Sofá da Zeca", e atuou na novela "Segundo Sol", da Rede Globo. Luiz Marfuz – Diretor teatral, dramaturgo, jornalista e professor da Escola de Teatro, Luiz Marfuz é doutor em Artes Cênicas, mestre em Comunicação e Cultura Contemporâneas, Bacharel em Administração e em Comunicação, todos pela UFBA. É membro permanente da Academia de Ciências da Bahia. É autor das peças “Traga-me a cabeça de Lima Barreto”, “A capivara selvagem”, “A última sessão de teatro”, “Cuida Bem de Mim” (coautoria Filinto Coelho), “Meu nome é mentira” - todas encenadas - e “Senhora dos Infiéis”. É diretor atuante na cena baiana há 40 anos, em que se destacam os espetáculos “Comédia do Fim” (de Samuel Beckett), “Mãe Coragem” e “O casamento do pequeno burguês” (Bertolt Brecht), “Cabaré das ilusões” e “Bonitinha, mas ordinária” (Nelson Rodrigues), “Decamerão” (Boccaccio) e “Língua de Fogo” (Saul Below). Publicou os livros: “Beckett e a implosão da cena”, “Dramaturgia do acontecimento no telejornal: a emoção no palco da notícia”, “Senhora dos Infiéis”, “Harildo Déda, a matéria dos sonhos” (coautor Raimundo Leão), “Te pego pela palavra” (coorg. Márcio Meirelles). Criou e liderou o projeto artístico-pedagógico Cuida Bem de Mim, 1996-2008, realizando 810 apresentações da peça homônima em 250 escolas públicas e teatros do país, atingindo 250 mil espectadores. É detentor de vários prêmios na área, a exemplo de Prêmio Braskem de Teatro (Melhor diretor, autor e espetáculo), Troféu Caymmi (melhor direção artística) e Troféu Martim Gonçalves (espetáculo e direção).

DE PULO EM PULO

Passo a passo ou em pulo em pulo. pretendemos lançar nosso livro. Nem que eu tenha que bater de porta em porta com os livros embaixo do braço, vencendo a timidez que me acompanha há 53 anos. Antes porém tenho que buscar recursos para confeccionar o livro, materializar esse sonho. Claro que tenho outros projetos, um deles aprovado por uma editora e mas está preso em um HD pifado.

Penso, logo insisto. Marcos Mauricio. Nosso INSTA.

ITABUNA - Igreja Batista Teosópolis reabre a Casa do Vovô

A Casa do Vovô, Centro de Convivência para idosos mantido pela Igreja Batista Teosópolis de Itabuna, foi reaberta na terça-feira (05) com um almoço . O espaço passou por manutenção, recebendo nova pintura e revisão das instalações elétrica e hidráulica, além de novos equipamentos para pilates. Instalada no bairro São Judas, a Casa do Vovô conta com psicólogo,fisioterapeuta,educador físico,técnico de enfermagem e nutricionista. No espaço são oferecidos cursos de artesanato, corte e costura e aperfeiçoamento musical através do canto coral, além de atividades lúdicas. Conta ainda com palestras com especialistas em diversas áreas. Os atendimentos acontecem às terças e quintas feiras das 9h às 15h. “Nosso objetivo é oferecer aos idosos atendimento espiritual, reforço na auto-estima e um tempo de ocupação produtiva” diz o pastor presidente da IBT, Geraldo Meireles. A Casa do Vovô faz parte do Complexo Teosópolis, que oferece um dos maiores programas de prevenção ao câncer de próstata do Brasil, o Projeto Cabra Macho, ofertando anualmente cerca de mil exames gratuitos com acompanhamento.

quinta-feira, 7 de outubro de 2021

PMCE prende homem com um revólver em abordagem a carro na avenida Mendel Steinbruch, em Fortaleza

Em ação preventiva, a Polícia Militar do Ceará (PMCE) prendeu em flagrante Francisco Robson Pereira da Silva, 19, com uma arma de fogo. O suspeito tentou fugir da abordagem, mas foi capturado na avenida Mendel Steinbruch, no bairro Aracapé, em Fortaleza-CE. Um revólver calibre .38 foi apreendido na ação que aconteceu na tarde dessa quarta-feira (06). Uma equipe do 21º Batalhão Policial Militar realizava patrulhamento de rotina quando obteve informações de que um indivíduo buscaria drogas no bairro Planalto Ayrton Senna. Por volta das 14h30, os policiais militares se depararam com um carro Cobalt de cor branca, com as mesmas características do veículo a ser utilizado na ação. Os militares deram voz de parada, que foi desobedecida. Mais à frente foi realizada busca pessoal e revista no carro e nada foi encontrado. Entretanto, nas proximidades, um revólver foi localizado e o suspeito assumiu a propriedade. O envolvido e o material apreendido foram apresentados no 8º Distrito Policial onde foi feita autuação pelo porte ilegal de arma de fogo.

Mais suscetível a manchas, pele negra precisa de cuidados especiais

Cada uma das diferentes tonalidades de pele requer cuidados específicos, e a pele negra, como qualquer outra, possui singularidades que exigem dedicação especial em qualquer ocasião. Mais suscetível a manchas, a pele negra também é a mais acometida por espinhas e pelos encravados, o que implica na necessidade de uma rotina mais minuciosa. Apesar de pessoas com esse fototipo possuírem mais proteção natural contra a radiação solar, fibras de colágeno mais densas - o que garante sinais menos evidentes do processo de envelhecimento -, elas não podem descartar procedimentos especiais que asseguram uma pele mais saudável e bonita. Há casos de pessoas de pigmentação escura que se machucam ou se queimam e o corpo acaba produzindo doses extras de melanina para aumentar a proteção do organismo. Na pele negra, a defesa do sistema imunológico deixa as manchas ainda mais pigmentadas. A dermaticista Maria Hartmann, diretora da Clínica Hartmann, afirma que essas manchas se tornam ainda mais evidentes devido à presença das espinhas. A especialista em estética explica que geralmente as glândulas sebáceas do rosto de pessoas negras são maiores e acabam liberando uma substância em excesso para a proteção. No entanto, essa mesma defesa favorece infecções e, consequentemente, o surgimento de acne e, por isso, a solução mais eficiente é o tratamento para peles acneicas e manchas com profissionais especialistas. A despigmentação, tratamento muito utilizado que age nas células com pigmentação em excesso, se mostra eficaz para eliminar manchas, pois atua diretamente na melanina. Maria Hartmann esclarece que o efeito de despigmentação como procedimento estético pode ocasionar um clareamento transitório, no entanto, não possui a capacidade de mudar o tom de pele. Nos últimos anos, clínicas e consultórios dermatológicos no país têm registrado um aumento da procura por tratamentos para queloide em pessoas de pele negra. A Clínica Hartmann, a primeira a se dedicar à inclusão integrativa do Brasil, atende pacientes com tonalidades diversificadas de pele que procuram reduzir a diferença de cor da lesão e se torne imperceptível. “Apesar de não existir cura para quelóide, é possível melhorar bem suas a aparência da pele do paciente”, esclarece a dermaticista.

SALVADOR - APÓS QUASE DOIS ANOS FECHADO, CINEMA DO MAM FINALMENTE ABRE

Depois de 18 meses fechado e 40 dias de campanha para reabertura, a primeira sala a abrir do Circuito de Cinema Saladearte em Salvador a partir de AMANHÃ (07.10) é a do Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-Bahia, Solar do Unhão, Avenida Contorno s/nº) com obediência a todos os protocolos determinados pelas autoridades de saúde, municipais, estaduais e federais. A exibição dos filmes acontece semanalmente das terças-feiras aos domingos, com quatro sessões. Sendo que sextas, sábados e domingos acontecerão sempre cinco sessões. Especialmente nesta segunda-feira (11), véspera de feriado, ocorrerão cinco sessões. Todas as informações estão no site http://saladearte.art.br. Confira programação desta semana mais abaixo. Os cinemas de Salvador já estavam funcionando desde maio deste ano (2021) sob liberação da prefeitura municipal. Em função do fechamento durante a Pandemia, o Circuito Saladearte passou por dificuldades e por isso foi realizada uma campanha de arrecadação de recursos. “O sucesso da campanha foi essencial para a reabertura, mas o retorno do público às salas de cinema é que vai garantir a continuidade desses espaços de cultura e arte, tão importantes para a cidade”, enfatiza uma das sócias do Circuito, Suzana Argollo. Segundo ela, as demais salas ainda passarão por manutenção na estrutura física e equipamentos. GRADUAL e POR ETAPAS – O Cinema Saladearte do MAM foi o terceiro espaço a ser aberto no museu que está reabrindo de forma gradual e por etapas. Segundo o diretor do MAM, Pola Ribeiro, a primeira etapa foi em 17 de agosto com as salas expositivas da Capela e Casarão e a exposição 'O Museu de Dona Lina', seguido do Café Saladearte juntamente com os Pátios da Mangueira e do Pôr do Sol. “No próximo dia 19 de outubro estaremos reiniciando o Programa de Residências Artísticas do MAM-Bahia com a Pinacoteca do Beiru e até início de dezembro/2021 serão inaugurados o Espaço Lina Bo Bardi e o Espaço Unhão”, relata Pola Ribeiro. Em 2022, acontecerá a entrega do Parque das Esculturas. As áreas livres abertas até agora somam mais de 2.500 m² de espaços a céu aberto que garantem ventilação permanente e possibilidade de distanciamento entre as pessoas. As máscaras continuam obrigatórias. O MAM dispõe de aferição de temperatura na portaria, álcool gel e sinalizações internas e externas de segurança. O Pátio da Mangueira onde está a entrada do Cinema do MAM dispõe de mesas, cadeiras e sombreiros do Café Saladearte somando cerca de 600 m², com acesso aos espaços expositivos, ao café e sanitários. O local tem esse nome em função da mangueira com mais de 15 metros de altura e uma grande copa. EXPOSIÇÃO e PROGRAMAÇÃO do CINEMA – A exposição fica aberta até 19 de dezembro, de terça-feira a domingo, das 13h às 17h. O Café e os Pátios externos funcionam das 12h às 19:30h. O cinema fica aberto com sessões que variam das 12h às 20:30h. A entrada e estacionamento (+50 veículos-passeio) do museu são gratuitos. Mais informações: www.mam.ba.gov.br, redes sociais (instagram e facebook) e telefone (71) 31176132, das 9h às 12h e das 13h às 15h. Informações dobre os filmes e o Circuito Saladearte no site http://saladearte.art.br. Fotos: Geraldo Moniz – mtba1498

quarta-feira, 6 de outubro de 2021

PMCE impede homicídio e prende em flagrante dupla armada com moto roubada em Jaguaribe-CE

Uma ação rápida realizada, na noite dessa terça-feira (05), por equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE), resultou em duas prisões, na apreensão de uma arma de fogo e de uma moto com queixa de roubo/furto. A dupla foi detida pouco depois de praticar uma tentativa de homicídio contra uma mulher no município de Jaguaribe-CE. O crime foi frustrado com a chegada dos militares. Por volta das 22h30, policiais militares do motopatrulhamento encontravam-se na rodoviária da cidade de Jaguaribe-CE, quando escutaram disparos de arma de fogo nas proximidades e, rapidamente, se deslocaram para averiguar os fatos. No local, dois indivíduos foram visualizados em uma moto 150 de cor preta, saindo em fuga em alta velocidade após a chegada da PM. Testemunhas afirmaram que os suspeitos atiraram contra uma mulher em um bar. A vítima não foi atingida. Desde então, deu-se início a um acompanhamento tático, onde, na saída de Jaguaribe-CE em direção a Icó-RN, na BR-116, a dupla foi avistada, sendo abordada próxima ao lixão municipal. Um dos suspeitos ainda apontou uma arma em direção aos PMs, que reagiram em legítima defesa. Ninguém ficou ferido. A composição deu voz de prisão aos indivíduos, tentando, posteriormente, encontrar a arma que aparentemente teria sido jogada, contudo, não se obteve sucesso. Logo em seguida, chegou outra composição no apoio aos PMs que continuaram a busca pela arma, encontrando-a próximo ao local da abordagem. Os infratores foram identificados como José Gomes da Silva e Pedro Lucas Alves de Almeida, ambos com 18 anos de idade. Eles foram conduzidos para a Delegacia Regional de Iguatu, onde a autoridade policial adotou os procedimentos cabíveis, gerando um inquérito policial em desfavor dos suspeitos com base no crime de tentativa de homicídio com o emprego de arma de fogo. Além do armamento, a motocicleta roubada foi apresentada na delegacia.

NÃO BASTA SE ACHAR PRÍNCIPE, TEM QUE SER NARCISISTA

 Sapulinho, como já disse antes é o principal personagem do nosso livro. E foi o primeiro a ser desenhado. Por conta da emoção em iniciar os trabalhos não dei conta que o bichinho ficou tão mal feito, literalmente mal desenhado. Redesenhei, mesmo assim ainda não ficou do jeito que eu planejava. Por fim cheguei neste versão mais saltitante, mais alegre, super colorido. Agora sim, ele pode se sentir um príncipe sapo. Uma observação: a história não é sobre um "sapo-príncipe", ele apenas se enxergou como tal diante de um espelho, tem mais haver com "narcisismo, embora com uma gotinha do clássico sapo que vira príncipe.

Marcos Mauricio. Vá no INSTA que eu retorno.

Polícia Civil e MPRN deflagram Operação “Rastilho” no Oeste Potiguar

Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Mossoró, em ação conjunta ao Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e com apoio da Polícia Militar do Rio Grande do Norte (PMRN), deflagraram, nesta terça-feira (05), a Operação “Rastilho”, que visa o combate ao comércio ilegal de armas de fogo e munições. A ação aconteceu nas cidades de Mossoró, Caraúbas e Paraú, resultando em 11 prisões. Durante as diligências, foram cumpridos sete mandados de prisão e 12 de busca e apreensão. Além desses mandados, quatros suspeitos foram detidos em flagrante; um mandado de medida restritiva de direitos também foi cumprido. Ao longo da operação, foram apreendidas armas de fogo e munições, além de aparelhos celulares. Os suspeitos foram conduzidos até a delegacia e encaminhados ao sistema prisional, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Polícia Civil prende quatro por assaltos e pela prática de outros crimes no bairro do Cristo, em João Pessoa

A Polícia Civil da Paraíba, através do trabalho de investigação da Delegacia de Crimes contra o Patrimônio da capital – DCCPAT, prendeu em flagrante na manhã deste sábado, 2, quatro pessoas na comunidade Bela Vista, bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa. Segundo o delegado João Paulo Amazonas, os presos são suspeitos são de cometerem diversos assaltos, inclusive um deles praticado na tarde de ontem. "Os autuados foram flagrados com objetos roubados, duas armas de fogo, diversas munições calibre.38, drogas (crack, maconha e cocaína), dinheiro fracionado e centenas de pinos usados para acondicionar entorpecentes.", disse o delegado. Três dos autuados já foram apreendidos por fato análogo a roubo majorado, e também respondem por homicídios e porte ilegal de arma. "Além dos crimes patrimoniais cometidos, todos responderão pelo tráfico de drogas, associação ao tráfico, corrupção de menores, receptação e porte de armas de fogo", concluiu João Paulo Amazonas. Essa foi mais uma ação incisiva da DCCPAT, com foco no combate ao crime patrimonial. A população pode colaborar com a Polícia Civil fazendo qualquer tipo de denúncia através do número 197 (Disque-Denúncia). A ligação é gratuita e anônima, garantindo sigilo absoluto.

terça-feira, 5 de outubro de 2021

ITABUNA - DIRETOR DA CÂMARA FALA SOBRE ÉTICA E DECORO NO DIA DO VEREADOR

Visando organização da Câmara, Erasmo suscita Conselho de Ética em Itabuna Previsto em lei desde 2003, o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Legislativo municipal pode, enfim, ser instalado em Itabuna. Foi o que sinalizou na última sexta, 1°/10, o presidente da Câmara, Erasmo Ávila (PSD), dentro da programação alusiva ao Dia do Vereador. A sociedade de Itabuna exige cada vez mais de nós, vereadores, atitudes éticas e honestas. Neste sentido, a instalação do Conselho ajudaria na organização da Casa, exercendo vigilância constante sobre nossas condutas e pronunciamentos enquanto representantes do povo", frisou Erasmo. O tema Conselho de Ética e Decoro embasou a palestra do diretor legislativo da Câmara, João Vivas. De forma transversal, Vivas explanou as regras de condutas esperadas de cada vereador sob a ótica da Constituição Federal, da Lei Orgânica de Itabuna, do Regimento Interno da Casa e do próprio Código de Ética itabunense (Resolução 04/2003). Os vereadores aproveitaram a palestra para esclarecer dúvidas sobre direitos e deveres do mandato. Cosme Resolve (PMN), por exemplo, tirou dúvidas sobre frequência parlamentar e perda de mandato por faltas sem justificativa. Vivas respondeu que a ausência de ⅓ é computada sobre as sessões ordinárias do Ano Legislativo. Parlamentares como Kaiá da Saúde (Avante) e Danilo da Nova Itabuna (PSL) teceram comentários sobre comportamento em Plenário. Danilo defendeu o uso de chapéu já que o Regimento e Código não vedam expressamente o utensílio. Kaiá, por outro lado, sugeriu que o manuseio de aparelhos eletrônicos, como celular, seja limitado para evitar distrações. Na parte da manhã, a programação pelo Dia do Vereador em Itabuna teve ainda hasteamento de bandeiras (Brasil, Bahia e itabuna) ao som do Hino Hacional, executado pela banda do Núcleo Cultural da Guarda Municipal de Itabuna.

CHEGOU A VEZ DO PROFESSOR DR. CORUJILDO


No momento estou refazendo alguns personagens da obra e a medida que tenho caprichado, tenho visto as dificuldades para publicar, e as exigências das editoras que sempre exigem um "calção" de quem nem tem bolso. (trocadilho infame kkkk). Mas estou otimista e vou encontrar uma forma de expor este trabalho nem que seja numa vaquinha virtual. O professor Corujildo está com cara de coruja, percebi que antes estava mais para um falante papagaio.
Visite nosso instagram e seguiremos você de volta. Marcos Mauricio

segunda-feira, 4 de outubro de 2021

Seguro pode cobrir prejuízos de cacauicultores em períodos de estiagem

Fazendas de cacau no Sul da Bahia passaram a contar com um instrumento inédito de proteção a eventuais prejuízos causados por alterações climáticas. Uma parceria entre o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), seguradora Newe Seguros, a Wiz Corporate Partners, o Instituto Arapyaú, Dengo Chocolates e ZCO2/BlockC deu origem à primeira emissão de apólice de seguro rural paramétrico para a cacauicultura no país, que tem como objetivo minimizar os impactos climáticos na lavoura ao longo da safra. Neste caso, não é necessário que um evento climático gere um dano físico à fazenda para que o segurado tenha direito ao pagamento, como funcionaria numa apólice convencional. O produtor segurado poderá ser ressarcido em caso de volume de chuvas abaixo daquele previamente estabelecido – o que poderia prejudicar a colheita de amêndoas ali produzidas e, por consequência, a comercialização do produto. Para construir essa ferramenta, as empresas envolvidas na iniciativa se valeram de dados gerados por estações meteorológicas do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), ligado ao Ministério da Agricultura. Além de informações sobre o volume de chuvas, essas estações fornecem dados de intensidade de vento, temperatura, número de dias de sol, ocorrências de geada, granizo e inundações. O Instituto Arapyaú, por sua vez, auxiliou na definição dos parâmetros de impacto climático na produção, bem como na inserção de contrapartidas ambientais na apólice, relativas à preservação da Mata Atlântica. O seguro paramétrico incorpora indicadores de sustentabilidade para financiar o pagamento do prêmio do seguro com créditos de carbono – de modo que os cacauicultores tenham um incentivo pra a conservação da floresta. Ricardo Gomes, gerente do programa Desenvolvimento Territorial do Sul da Bahia, do Arapyaú, explica que, para o seguro atingir mais produtores, é preciso que haja ampla divulgação da iniciativa para estimular mais empresas a realizarem a compensação de suas emissões de carbono por meio do projeto. “Entendo que a iniciativa oportuniza conciliar a conservação e valoração do nosso ativo florestal, considerando que o carbono estocado é que financia o seguro para os produtores, e por sua vez as empresas neutralizam suas emissões de CO2”, destaca. Ricardo informa como o mecanismo contribui para mitigar impactos negativos na renda do produtor: “É uma alternativa para oferecer, minimamente, uma garantia caso a chuva não corresponda em um período-chave para produtividade do cacau, sendo um complemento de renda para o produtor e um reconhecimento do valor da cabruca como meio de produção sustentável”, afirma. O seguro vai cobrir perdas ocorridas entre agosto e setembro – um dos períodos decisivos para a produtividade do cacau cultivado na região. Entre 2014 e 2016, uma seca severa acabou com a produção de 50 mil hectares de cacau da região nessa época. Empresas interessadas em adquirir créditos de carbono por meio do projeto, podem entrar em contato com o Instituto Arapyaú no e-mail comunicacao@arapyau.org.br.

Prefeitura de Cairu apoia Festival Gastronômico de Morro de SP & Boipeba

Acontece de 15 a 31 de outubro o FESTIVAL GASTRONÔMICO DE MORRO DE São Paulo & BOIPEBA. No evento, cada restaurante irá oferecer um menu diferente de entrada, prato principal e sobremesa, tanto para almoço, quanto para jantar. A prefeitura de Cairu apoia esta edição que será realizada pela ACEC – Associação Comercial e Empresarial de Cairu. Feiras de artesanato, palestras e outras ações voltadas para a área de gastronomia também estão na programação. Mais do que salientar a culinária local, o foco do festival é apresentar os elementos regionais e típicos que fazem da gastronomia da região ser tão especial, fortalecendo a identidade gastronômica em um dos destinos mais visitados da Bahia. Drinks a base de frutas regionais como umbu, cacau, dendê e siriguela também estarão figurando entre as diversas cartas de bebidas do Festival. O evento respeitará todas as normas de segurança exigidas contra a Pandemia do Covid-19. Mais informações do Festival estão disponíveis no hotsite www.festivaldemorro.com.br a partir de 30 de Agosto.

Minas Gerais, São Paulo e Rio Grande do Sul registram maior número de ações na área de saúde


Pacientes procuram Justiça para conseguir medicamentos e serviços hospitalares
O estado de Minas Gerais foi o que mais registrou ações na Justiça referentes à área da saúde, no ano passado. De acordo com a pesquisa ‘Judicialização e Sociedade: Ações para Acesso à Saúde Pública de Qualidade’ divulgada, recentemente, pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em 2020 foram abertos 203.177 processos nos tribunais mineiros. Em segundo lugar no ranking aparece São Paulo, com 72.087 ações, seguido por Rio Grande do Sul, com 46.467 litígios. Os fatores que mais motivam o paciente a procurar o Poder Judiciário são aquisição de medicamentos – presentes ou não no rol do Sistema Único de Saúde (SUS) –; prestação de serviços hospitalares: internações, disponibilidade de leitos e cirurgias; e, aquisição de bens relacionados a tratamentos contínuos, como fraldas e cadeiras de roda. Entre as especialidade médicas mais judicializadas, estão: ortopedia e traumatologia, cardiologia, oftalmologia, oncologia clínica, urologia, psiquiatria e neurologia. Para o professor universitário e advogado Fabricio Posocco, do escritório Posocco & Advogados Associados, as causas para esta procura, em garantir a saúde na Justiça, podem ocorrer pelo desabastecimento de medicamentos e insumos nas unidades de atendimento, bem como a falta de profissionais especializados para assistir à população. “A Constituição Federal afirma que a saúde é direito de todos e dever do Estado. Por isso, por exemplo, quando falta medicamento receitado pelo médico para controlar e curar determinada doença, o SUS não pode ignorar a indicação do especialista e substituir por outro fármaco ou tratamento”. Segundo Posocco, esta mesma premissa vale para o plano de saúde. “Se a doença ou o tratamento médico é

EM PAÇO DO LUMIAR, POLÍCIA CIVIL PRENDE O SEGUNDO ENVOLVIDO NO ASSALTO AO BANCO EM VITÓRIA DO MEARIM QUE RESULTOU EM DUAS MORTES

Na tarde da última sexta-feira (1º), na cidade de Paço do Lumiar, região metropolitana de São Luís, a Polícia Civil do Maranhão conseguiu, prender o segundo integrante do grupo criminoso que assaltou a agência do banco Bradesco em Vitória do Mearim em agosto deste ano, onde dois vigilantes do estabelecimento foram mortos. O Departamento de Combate ao Roubo a Instituições Financeiras(DCRIF/SEIC), desde o dia em que ocorreu o crime tem intensificado as investigações no intuito de identificar e prender os autores do crime. Além das mortes dos dois seguranças, uma mulher que passava na porta do banco durante o assalto foi atingida por um tiro na cabeça enquanto os criminosos fugiam. Com essa prisão, já são três integrantes do bando criminoso retirados de circulação. Segundo a coordenação das investigações, no dia 2 de setembro, um dos criminosos foi morto durante um confronto com policiais da SEIC em Vitória do Mearim e na última quarta-feira(28), a polícia prendeu mais um envolvido no ato criminoso na cidade de Imperatriz.

A IMPORTÂNCIA DOS CÃES FAREJADORES DO NÚCLEO DE OPERAÇÕES DE CÃES(NOC) DA POLÍCIA CIVIL DO MARANHÃO


Em algum momento da sua vida, provavelmente você já viu um Cão policial desenvolvendo algum trabalho de segurança na companhia de um amigo humano. Se não, acredito que tenha visto em filmes e séries na televisão. Esse trabalho entre o cão e o homem vem de longas datas, onde em certas épocas, os cães eram usados na caça ou na proteção de propriedades.
Atualmente, esse trabalho conjunto entre o homem e o animal tem sido primordial na área da segurança pública no mundo, e no Maranhão não seria diferente, pois a Polícia Civil do Maranhão com a criação no Núcleo de Operações de Cães(NOC) tem conseguido grandes destaques no que tange o combate à criminalidade, mais especificamente o combate ao tráfico de drogas no Estado. O canil da Polícia Civil do Estado do Maranhão, instalado na sede da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico(SENARC), foi fundado no dia 8 de novembro de 2016 como uma ferramenta a mais no combate ao tráfico de entorpecentes no Estado. Inicialmente os trabalhos começaram com a chegada do K-9 Viny que deu início aos trabalhos dos cães de detecção na PCMA. Esses cães de linhagem são escolhidos para atuação policial e recebem treinamento desde muito cedo, dos primeiros meses de nascidos até fase adulta. Tal treinamento se inicia nos meses iniciais de vida com a socialização, habituação a atividade polícia até chegar ao treinamento específico de detecção. No NOC, os cães recebem cuidados especiais que vão do acompanhamento veterinário até a alimentação, bem-estar e controle sanitário. O Núcleo de Operações com Cães (NOC) é demandado principalmente pela Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (SENARC), porém disponibilizado para outras superintendências e delegacias tanto da capital como do interior do Maranhão. Atualmente são três cães no plantel utilizados exclusivamente como cães de faro para entorpecentes e armas, são eles: K-9 Viny, K-9 Baruk, K-9 Allu e que em breve contaram com o apoio do K-9 Barney.


O núcleo atua em apoio as unidades operacionais da Polícia Civil do Maranhão no cumprimento de mandados de busca. Mas também atuam na verificação de informações onde há a possibilidade de drogas ou armas escondidas. Além disso, são realizadas buscas em terrenos, edificações, busca veicular dentre outras. A Polícia Civil maranhense muita da vezes oferece apoio em ações da Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, forças armadas e outros órgãos de segurança pública. Segundo a coordenação no núcleo de cães, desde de 2016, já se contabiliza mais de 500 operações com a participação direta dos cães farejadores da PCMA que resultaram na apreensão de dezenas de armas e mais de duas toneladas de drogas dos mais variados tipos, grande parte maconha. “Os cães são ferramentas qualificadas de busca. Pois com o auxílio desses cães conseguimos revistar e buscar materiais ilícitos em um menor espaço de tempo e com uma eficiência maior, economizando efetivo policial para tal”, disse o investigador Diego Santos. Depois que os cães localizam a substância procurada, a responsabilidade de recolher o material é dos policiais da investigação. Os animais facilitam muito no cumprimento aos mandados de buscas e apreensão, pois muitas das vezes os entorpecentes estão escondidos em lugares de difícil localização por parte do homem. Na pratica, o cão só não acha drogas, se não tiver. Por fim, quando a gente vê um policial na companhia de um cão em uma ação policial, nem imagina magnitude da relação que há entres os dois. É louvável que eles prestam um trabalho a sociedade com base em uma relação que envolve amor, cumplicidade e dedicação em nome da segurança pública.
Por: Anselmo Oliveira

Polícia Civil prende dois homens que ostentavam armas e aterrorizavam a população na comunidade do Timbó

A Polícia Civil da Paraíba, por meio do trabalho investigativo da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas - DRFVC -, com o apoio da Delegacia de Repressão a Entorpecentes - DRE -, prendeu nesta sexta-feira, 1º, na comunidade do Timbó, em João Pessoa, dois homens de 23 e 26 anos, pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, posse de arma/munição de uso permitido e receptação. As equipes da Polícia Civil fizeram incursões na comunidade do Timbó e, durante as ações, apreenderam maconha, cocaína, munições cal. 9mm e .38, carregadores de pistola, balanças, HT, coldres de armas, aproximadamente R$ 2.200,00 e um colete balístico de propriedade da Polícia Civil. Segundo o delegado Carlos Othon, esses suspeitos estavam aterrorizando a população, ostentando armas e acessórios táticos para impor a lei do silêncio na comunidade e em bairros adjacentes. "Além disso, costumavam roubar veículos para realizar outros crimes patrimoniais em vários bairros da Capital. Não à toa os dois indiciados já foram condenados por roubo com uso de arma de fogo. Para garantir a ordem pública, foi representado, ainda no flagrante, pela conversão da prisão em flagrante em prisão preventiva", disse o delegado. A DRFVC segue firme no combate aos roubos de veículos e crimes correlatos. A população pode colaborar com a Polícia Civil fazendo qualquer tipo de denúncia através do número 197 (Disque-Denúncia). A ligação é gratuita e anônima, garantindo o sigilo absoluto.

sábado, 2 de outubro de 2021

Polícia Civil prende quatro envolvidos em golpe via whatsapp

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC), deflagrou, na manhã de hoje (1º), a Operação “Inovam, mas continuam no crime”, na qual foram cumpridos quatro mandados de prisão temporária e quatro mandados de busca e apreensão domiciliares. A investigação que culminou na operação de hoje durou cerca de seis meses. A DERCC identificou quatro homens suspeitos de integrarem uma associação criminosa voltada para a prática de estelionatos, por fraude eletrônica, contra vítimas diversas, através do uso de novos números de whatsApp. Assim, a Polícia Civil representou judicialmente contra os investigados e foram expedidos os mandados judiciais. As ordens de prisão e buscas foram cumpridas hoje, sendo duas em Goiânia, uma em Senador Canedo e uma em Sanclerlândia. Durante as buscas, foram apreendidos aparelhos celulares, computador, caderno de anotações e cerca de 150 chips de linhas telefônicas celulares, que certamente são utilizados nos golpes. A vítima arcou com o prejuízo de quase R$ 60 mil, pois realizou transferências bancárias acreditando que os pedidos dos valores teriam sido feitos por seu irmão. Porém, a solicitação foi feita pelos investigados, usando um novo número de whatsapp com foto do irmão da vítima. O nome da operação – “Inovam, mas continuam no crime” – faz referência aos antecedentes criminais ostentados pelos presos, pois três deles possuem condenações e prisões anteriores por crimes diversos, como roubo e tráfico de drogas, tanto que um dos presos inclusive usa tornozeleira eletrônica. Os quatro presos serão indiciados pelos crimes de associação criminosa e estelionato, por meio de fraude eletrônica, podendo ser apenados com até 11 anos de reclusão. A operação contou com apoio da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE/GT3) e com as equipes policiais civis de Senador Canedo e Sanclerlândia.

sexta-feira, 1 de outubro de 2021

Campanha de vacinação antirrábica almeja imunizar mais de 600 mil animais no RN

Com a expectativa de vacinar 659.283 animais, sendo 463.259 cães e 196.024 gatos, a Campanha de Vacinação Antirrábica 2021 terá seu Dia “D” no próximo sábado, 02 de outubro, em todo o Rio Grande do Norte. A campanha iniciou em 13 de setembro e seguirá até 13 de novembro. Podem ser vacinados cães e gatos saudáveis acima de 3 meses de idade. Recomenda-se que os tutores levem os animais aos pontos de vacinação contidos em guias/coleiras ou caixa de transporte por pessoas com capacidade física para contê-los, não esquecendo também a carteira de vacinação do pet. A doença é grave e 100% letal, mas passível de eliminação do ciclo urbano (transmissão por cão e gato) através da vacinação animal. A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) pretende atingir uma cobertura vacinal mínima de 80%, considerada segura para prevenção de um surto dessa doença no Estado. Em virtude da expansão urbana e a perda de hábitat, é cada vez mais frequente, o surgimento de animais silvestres suspeitos de raiva – principalmente morcegos – próximos a residências, propiciando um maior contato com cães e gatos, aumentando o risco de transmissão da doença entre animais e para os humanos. A vacinação em massa de cães e gatos tem se mostrado a melhor forma de prevenção da doença nestes animais e em humanos. Para informações sobre locais e postos de vacinação a população deverá entrar em contato com a Secretaria Municipal de Saúde ou Setor de Zoonoses/Endemias dos municípios. Considerando a pandemia do coronavírus que ainda continua em todo o estado, a campanha será realizada com adequações à essa realidade. Para a realização do dia “D” a Sesap recomenda aos municípios: - Escolher locais arejados e ventilados para vacinar os animais, de preferência, ao ar livre; - De acordo com a realidade do local, trabalhar a área para a não formação de filas e manutenção do distanciamento entre os tutores dos animais; - Disponibilizar luvas, máscaras, protetores faciais, álcool a 70% e ponto com água e sabão para higienização frequente das mãos.

Polícia Civil incinera quase 70 quilos de drogas em Mossoró

Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Mossoró incineraram, nesta quarta-feira (29), aproximadamente 67 quilos de entorpecentes. A incineração aconteceu em uma Usina de Beneficiamento de Castanha (USIBRAS), no Conjunto Abolição II, em Mossoró, na região Oeste do RN. Todo material ilícito foi oriundo de apreensões da DENARC, Delegacia Especializada Atendimento ao Adolescente Infrator (DEA), Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (DEFUR) de Mossoró e das Delegacias Municipais (DMs) de São Miguel e Patu. Participaram do processo de incineração, policiais da DENARC, profissionais do Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) e da Vigilância Sanitária. Entre os entorpecentes incinerados estavam: maconha, “crack”, "skank" e cocaína. Cerca de 18 litros de “loló” também foram descartados em um tanque de captação de água da Usibras. Outras incinerações devem acontecer nos próximos meses, de acordo com autorização da Justiça.

quarta-feira, 29 de setembro de 2021

PACOTE DE MALDADE PODE QUEBRAR COMERCIO ITABUNENSE - VEREADORES MAQUIAM PROJETO TRIBUTÁRIO

Plenário autoriza revisão tributária "sem o aumento de taxas" em Itabuna Por unanimidade, os vereadores de Itabuna rejeitaram o aumento nos valores de seis taxas do Código Tributário - a taxa de expediente já estava fora do reajuste. A rejeição ocorreu por meio de destaques assinados por 20 parlamentares. A Câmara também incluiu emendas como a de Erasmo Ávila (PSD) reduzindo a alíquota do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) - de 6% para 2% (podendo parcelar, inclusive) - e isentando transações com imóveis de até R$ 70 mil localizados em áreas sem saneamento e pavimentação. A ampliação da faixa de isenção para o IPTU recebeu o apoio em peso dos vereadores. A proposta do Governo deve dobrar o número de famílias itabunenses que deixarão de pagar o imposto anualmente, saltando de 10 mil para 20 mil isentos. Conforme o projeto, a partir de 2022, o contribuinte de Itabuna que gastar até R$ 100 com IPTU estará dispensado do tributo. Atualmente a faixa de isenção beneficia quem desembolsa por ano até R$ 42. A revisão mais enxuta do Código, aprovada pelo Plenário na terça, 28/9, teve voto contrário apenas de Pancadinha (PMN). O vereador argumentou que a pandemia de Covid-19 torna inapropriada a alteração na lista do Imposto Sobre Serviços. No projeto de lei, o Governo amplia, de oito para dezoito, as atividades tributadas pela alíquota de 3% do ISS. O Executivo também adicionou subitens de serviços na faixa de 5%, a exemplo do transporte municipal. O texto revisor do Código Tributário seguiu para sanção ou veto do Prefeito de Itabuna. Para entrar em vigor em 2022, a alteração do Código precisa ser sancionada e publicada até 30 de setembro. Somado aos destaques que barram o reajuste nas tabelas das taxas de arrecadação, sete emendas da Câmara foram mantidas após negociação com o Governo. Ao todo, quase 30 emendas chegaram a ser apresentadas nos órgãos técnicos da Casa, a maioria delas de Ronaldão (PL).

Software de gestão ambiental da suinocultura da Embrapa recebe prêmio Fritz Müller

O Software de Gestão Ambiental da Suinocultura (SGAS) desenvolvido pela Embrapa Suínos e Aves foi um dos vencedores do 22º Prêmio Fritz Müller, que visa reconhecer as empresas e organizações que desenvolvem projetos na área do meio ambiente em Santa Catarina. A divulgação foi feita nesta semana pelo Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA). O software foi vencedor na categoria "Projeto de pesquisa". A solenidade de entrega da premiação está prevista para o dia 3 de dezembro na sede da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), em Florianópolis. Lançado em setembro de 2020, o SGAS é um pacote de aplicativos web que facilita a gestão e o licenciamento ambiental de granjas de suínos. Inédita no Brasil, a ferramenta digital abrange diversas funcionalidades que automatizam e padronizam projetos e análises de processos de licenciamento ambiental, antes elaborados de forma manual ou por meio de planilhas. O objetivo é trazer confiabilidade e rastreabilidade não apenas às propriedades, mas também aos estados onde o sistema for adotado e, consequentemente, à produção nacional de suínos. O SGAS está disponível gratuitamente no site da Embrapa Suínos e Aves (embrapa.br/suinos-e-aves) e é indicado para produtores rurais, profissionais de assistência técnica, extensão rural e licenciamento ambiental, gestores de agroindústrias e cooperativas e analistas de órgãos ambientais, além de gestores públicos que atuam nas áreas de tratamento de resíduos, meio ambiente, agronomia e engenharias agrícola, sanitária e ambiental. O Prêmio Fritz Müller - Concedido pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), o Prêmio Fritz Müller é o principal reconhecimento ambiental do estado de Santa Catarina. O nome do Prêmio é uma homenagem ao naturalista alemão Johann Friedrich Theodor Müller, que viveu em Santa Catarina por 45 anos. O prêmio é destinado a projetos e iniciativas que vão além da legislação ambiental e que resultam em benefícios para o desenvolvimento sustentável. Podem participar empresas públicas e privadas, instituições, órgãos governamentais, cooperativas, ONGs, institutos e organizações que atuam em Santa Catarina, com projetos desenvolvidos no estado.

JOVENS DA IGREJA BATISTA TEOSÓPOLIS REALIZAM SEGUNDA LIVE SOLIDÁRIA

No próximo sábado, dia 2 de outubro, a partir das 19h30min a Juventude Interligados juntamente com o Ministério da Ação Social da Igreja Batista Teosópolis de Itabuna promovem a segunda live solidária “O Amor Faz”. A live será por meio do Canal da IBT no Yoututube (youtube.com/ibteosopolis) e também no Facebook. Este ano as pessoas também poderão participar presencialmente no templo da igreja que fica localizada na Avenida Félix Mendonça, no bairro da Conceição, Itabuna, onde também poderão realizar doações. Comandada pelo pastor Geraldo Meireles a live tem o objetivo de arrecadar alimentos para amenizar a situação de famílias em situação de vulnerabilidade social. De acordo com o pastor Ezequiel Nunes da Hora (Pastor Zica), responsável pela juventude e adolescente da igreja, no ano passado foram arrecadadas três toneladas de alimentos beneficiando 300 famílias carentes com a doação de cestas básicas arrecadadas durante a live. Famílias dos bairros São Roque, Vila da Paz, Buraco da Gia e outras quatro comunidades foram beneficiadas. O evento teve a participação de duas mil pessoas. “A pandemia que gerou mudanças violentas impactou todos os setores. Sem dúvida, as camadas mais pobres são a parcela que mais têm sofrido com os efeitos da crise global”, diz o pastor Zica. “Porque ele fez, acreditamos que devemos expressar esse amor, intercedendo, investindo, sustentando e admitindo esse propósito em nossas vidas com atitudes como essa”,reflete o pastor. Onalgísio Pinheiro dos Santos, conhecido como Gilson, que comanda o Ministério da Ação Social da igreja diz que todo o valor arrecadado será revertido para compra de cestas básicas que serão distribuídas entre famílias carentes de Itabuna. “As pessoas podem contribuir doando ou participando desse movimento e compartilhando essa ideia”, pontua Gilson.

Servidores do Inema recebem moção de apoio na Assembleia Legislativa de autoria do deputado Hilton Coelho

A Associação dos Servidores do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Ascra) recebeu aprovação do deputado estadual Hilton Coelho (PSOL) em moção de apoio apresentada na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA). “Em defesa do meio ambiente, a Ascra criticou o acúmulo ilegal de cargos da secretária de Meio Ambiente (SEMA) com Diretoria do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema). Apoiamos esta importante luta que a Ascra tem realizado na defesa do Meio Ambiente e dos órgãos de regulação da temática na Bahia”, afirma o parlamentar. Ele acrescenta que “há alguns anos, a efetiva proteção ao meio ambiente vem sendo relegada a segundo plano pelo Governo do Estado, na ânsia de favorecer empreendimentos econômicos altamente danosos à preservação ambiental e de duvidosa contribuição econômica para a Bahia. Alterações jurídicas que permitiram a dispensa de licenciamento para atividades agressivas e a prática de autolicenciamento, quando o próprio empreendedor, sem fiscalização e supervisão do órgão ambiental, promove a liberação de atividades poluidoras e dispararam o número de conflitos ambientais no Estado”. A moção apresentada por Hilton Coelho afirma que “a precariedade chegou à própria gestão dos dois principais órgãos da política ambiental no Estado, a Secretaria de Meio Ambiente (Sema) e o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema). Pelo desenho institucional estabelecido na Lei Federal nº 6.938/81, que cria o Sistema Nacional do Meio Ambiente (SISNAMA) e pelas leis que instituíram a SEMA e o Inema, a Secretaria é órgão central da política ambiental, responsável por planejar, coordenar, supervisionar e controlar a política estadual e as diretrizes governamentais na área ambiental, enquanto Inema, autarquia estadual, e o órgão executor da política, sendo, inclusive, fiscalizado pela SEMA”. A crítica específica feita pela Ascra e apoiada pelo parlamentar aconteceu em 19 de maio de 2021 quando o governador Rui Costa nomeou Márcia Cristina Telles de Araújo Lima, que já ocupava o cargo de diretora executiva do Inema desde 2012, para acumular a função como secretária de Meio Ambiente. “Tal ato viola expressamente a proibição de acúmulo de funções públicas para Secretário Estadual, previsto no art. 109, parágrafo único, da Constituição Estadual da Bahia. Além disso, o acúmulo de cargos pela ‘secretária/diretora’ faz com que ela seja fiscalizada por si mesma, o que permite uma centralização excessiva da política ambiental, em prejuízo do Meio Ambiente e implica em interferência excessiva da administração direta sobre uma autarquia”. A Ascra impetrou mandado de segurança junto ao Tribunal de Justiça, “objetivando proteger não apenas a política ambiental da Bahia, como também não colocar em risco os atos administrativos relacionados à carreira dos servidores e servidoras, uma vez que não há segurança jurídica da validade dos atos ‘secretária/diretora’, dado que o acúmulo é absolutamente ilegal e inconstitucional. Esperamos que o Poder Judiciário cumpra sua função constitucional e impeça a continuidade deste abusivo acúmulo de cargos, que tanto prejudica a administração pública estadual, como a própria política de meio ambiente da Bahia. A ALBA deve somar esforços nesse processo para que o governador Rui Costa desfaça esta acumulação aberrante de cargos na área do meio ambiente e garanta a efetiva prioridade que a Constituição e a sociedade dão ao tema”, conclui Hilton Coelho.

O caso do suicídio do pai de Luciano Hang, “seu Lula”, transformado em “infarto” pela Havan


Luciano Hang e o pai, “seu” Lula.
Na tarde do domingo, 27 de junho de 2010, o empresário Luciano Hang recebeu um daqueles golpes capazes de tirar qualquer pessoa do eixo – saiu na varanda de sua confortável mansão no centro de Brusque e encontrou o pai, morto, enforcado, pendurado num caibro, com a língua de fora e os olhos arregalados. De acordo com vários relatos, Luciano baixou sozinho o cadáver do pai da forca. Em seguida, deu início a um teatro para ocultar o suicídio do homem que o ensinou a viver. Por telefone, chamou o primo Nilton, a funerária Zuchi, o gerente de marketing da Havan, empresa que se tornaria uma das maiores redes varejistas do Brasil, e o médico Rafael Saádi, único legista da cidade, nesta ordem. Uma farsa foi então tentada para transformar o suicídio em morte natural. Por alguma razão que só Luciano pode entender, ele queria embelezar a memória do pai, Luiz, apelidado “seu” Lula, morto aos 79 anos, então uma das figuras mais populares da cidade por suas excentricidades. Primeira providência: o pessoal do marketing distribuiu um comunicado à imprensa lacrando a mentira de que o velho Lula morrera infartado. Quando a notícia chegou às redações, um editor da rádio Cidade despachou os repórteres AD para o Instituto Médico Legal (IML) e PS pra delegacia. AD encontrou seu Lula numa mesa metálica, com a língua horrivelmente para fora: “Dava para ver a marca da corda no pescoço”, lembra AD. Os repórteres que, numa cidade então pequena, sempre tinham acesso à delegacia, desta vez tiveram que ficar do lado de fora – Luciano Hang estava lá dentro, respirando todo oxigênio de Santa Catarina. É fácil entender o cuidado dos policiais em fechar as portas – ele ainda não era o Véio da Havan, mas já era um dos homens mais ricos da cidade e conhecido por seus chiliques. Na rádio, os jornalistas lutavam contra a verdade: “Se ele disse que seu pai morreu infartado, não vi motivos para escrever outra coisa”, conta um ex-diretor. Ele disse que a primeira versão que chegou à redação fora que Lula tinha sido assassinado: “Checamos, então preferimos contar a mentira oficial do infarte”. Enquanto isso, na delegacia, o delegado de plantão lutava com sua consciência para recusar uma polpuda propina para produzir um atestado de óbito frio – ele passou a oferta para o médico-legista, Rafael Saádi. O doutor Saádi, hoje um proctologista estabelecido num belo consultório no centro, também não aceitou “preencher um cheque com quantos zeros quisesse”, oferecido por Luciano para que a causa da morte fosse alterada. O médico se recusou, alegando que se algum dia a morte fosse questionada ele seria o responsável. Bateu pé, não aceitaria “dinheiro nenhum para mentir”. E escreveu no atestado de óbito a verdade: “insuficiência respiratória aguda, asfixia mecânica (constrição mecânica por laçada), enforcamento”.
A certidão de óbito de Luiz Hang, pai de Luciano.
Pelo relato de um participante da reunião, Luciano Hang não derrubou uma lágrima sequer. Primeiro, ofereceu o dinheiro. Depois, tentou levar as autoridades no grito. Enfim, saiu da delegacia espalhando a fake news do infarte, mas com um atestado verdadeiro. Em seguida, ordenou ao agente funerário a cremação imediata do corpo, levado na mesma noite ao Crematório Vaticano, em Balneário Camboriú, a 30 km. Ninguém fora da família – nem o gerente de marketing – participou da cerimônia final. Seu Lula virou cinzas na manhã da segunda-feira. Luciano voltou ao trabalho na tarde do mesmo dia, como se tivesse tirado a manhã de folga. Nenhum dos citados neste trecho lembra de ter visto o vaso com as cinzas. Seu Lula deixou a esposa, dona Regina, dois filhos, João e seu irmão Luciano, e bens a inventariar – entre eles, uma cota pequena do império que estava sendo erguido. O suicídio de seu Lula estava anunciado. Ele vinha dando sinais de demência senil. É claro que nem sempre seu Lula foi assim. Ele era o herói do filho adolescente, tanto que aos 17 anos Luciano seguiu seu exemplo e foi trabalhar nas indústrias Renaux, a mesma onde o pai fez carreira de tecelão, da juventude à aposentadoria. A ética de trabalho do pai era exemplar, com 40 anos na mesma empresa. O valor do emprego para o homem comum foi passado para o filho. Em suas propagandas, Luciano sempre cita a geração de empregos da Havan. Ele promete que basta conseguir uma vaga na firma para o cidadão comum ingressar num “vidão”. Poucos notaram, mas a morte do pai teve um profundo impacto em Luciano. De certa forma, Lula podava o crescimento do filho. O pai perguntava “o porquê de tanta ambição, para que crescer mais?”, conforme contou enfermeira do postão do SUS. Amigos próximos contam que Luciano passou por uma depressão logo depois da morte do pai. Perdeu peso até a forma que tem hoje, no personagem de Véio da Havan. Luciano lutou sozinho contra a doença, até emergir do fundo do poço mais poderoso: meses depois da morte do pai ergueu uma megaloja e o Centro de Distribuição da Havan na BR101, dando início ao arrojado programa de expansão para chegar a 200 lojas em 2022. Com “seu” Lula morto, Luciano cresceu até ser um bilionário da revista Forbes. De uma certa forma parece uma profecia feita pelo pai, relatada pela mesma enfermeira do SUS que o atendia: “Não sei o que deu no meu filho, parece que acima dele nem Deus, só guarda-chuvas”. Procurado para esta reportagem, Luciano Hang não quis falar com o DCM.
Esta reportagem é fruto de crowdfunding do DCM. Continue colaborando aqui para que o jornalismo não pare.
POR RENAN ANTUNES DE OLIVEIRA, de Brusque (SC)

terça-feira, 28 de setembro de 2021

Governo do Estado economiza R$ 18 milhões em combustível em 1.000 dias de gestão

Nos primeiros 1.000 dias de governo na gestão da professora Fátima Bezerra o Rio Grande do Norte economizou cerca de 4 milhões de litros de combustível, segundo dados da Secretaria de Estado da Administração (Sead), que faz o gerenciamento compartilhado da frota com a Secretaria de Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed). Esse número representa uma economia estimada em torno de R$ 18 milhões, com relação aos primeiros mil dias de governo da gestão anterior. As informações são da Coordenadoria de Patrimônio (Copat), responsável pela gestão do abastecimento da frota veicular e de máquinas estacionárias do Executivo. De acordo com o coordenador Josiel Araújo, a redução é fruto da intensificação no trabalho de controle e fiscalização, resultante dos procedimentos adotados após a publicação do Decreto Nº 28.700, de 24 de janeiro de 2019, que dispõe sobre o cadastramento da frota veicular do Poder Executivo do Estado do Rio Grande do Norte e estabelece a gestão compartilhada da fiscalização e do controle do uso de veículos oficiais. “Nossa gestão é baseada na eficiência, na qual priorizamos o consumo de combustível de forma inteligente. Para isso, uma das medidas que adotamos foi estabelecer cotas para uso diário e semanal dos carros. Também ampliados a rede credenciada de postos, evitando grandes deslocamentos por parte da frota somente para abastecer o veículo, entre outras ações”, explica o coordenador da Copat. O valor da economia estimada considera um valor médio ponderado no preço dos combustíveis nos primeiros 1.000 dias de governo da gestão atual e da gestão anterior. Com relação ao volume, o Governo consumiu cerca de 24 milhões de litros nos mil primeiros dias de governo da gestão anterior, enquanto para o mesmo período no governo da professora Fátima Bezerra o consumo foi em torno de 19,7 milhões de litros, entre gasolina, etanol e diesel. A estimativa de economia em reais fica em torno de R$ 18 milhões de reais.

SAPOCULISTA

Os sapos tem a obrigação de enxergar bem, pois precisam focalizar os insetos e calcular para mirar sua língua pegajosa, ao saltarem tem que ter a segurança de onde vão cair... Além disso são hábeis calçadores noturnos. Logo precisa periodicamente visitar o dr Sapoculista para manter a saúde dos olhos. No nosso livro solo (desenhos e texto) o sapoculista tem uma papel importante, já que, além de cuidar da visão dos sapos, também se especializou na saúde dos olhos de vários animais da floresta. Os desenhos feitos no Corel Draw em rascunhos feito no lápis. P.S. Estou pensando em fazer a obra bilingue: português/inglês, que acham?. INSTA 100% RECÍPROCO: https://www.instagram.com/mmauricioita/

segunda-feira, 27 de setembro de 2021

ITABUNA - Colégio Batista de Itabuna completa 28 anos

Uma das mais tradicionais instituições de ensino do sul da Bahia, o Colégio Batista de Itabuna completa 28 anos nesta nesta segunda-feira. Fundado em 27 de setembro de 1993 pelo pastor Hélio Lourenço, o Colégio Batista funciona em amplas instalações no bairro da Conceição, em Itabuna. A instituição oferece do ensino fundamental ao ensino médio. Nesses 28 anos de existência, já encaminhou estudantes às mais conceituadas universidades do país e do exterior. Muitos deles, hoje, são profissionais renomados em suas áreas de atuação. “A instituição tem como missão proporcionar uma educação de qualidade e, ao mesmo tempo, despertar nos nossos estudantes uma cosmovisão cristã que torne Deus presente na forma como eles compreendem o mundo”, diz a diretora do Colégio Batista, professora Graça Silva Guimarães Souza. De acordo com o vice-diretor da instituição, Tiago Nascimento Souza, que também é professor da escola “a identidade confessional significa que todo o exercício de busca pelo conhecimento e a observação do universo são também formas de louvor ao Criador”. “Somos gratos a Deus, que proporciona a existência de nossa escola e que nos dá o privilégio de cumprir a missão do servir através dessa instituição. Nossa gratidão também às famílias e aos nossos estudantes por tê-los conosco numa belíssima e exitosa parceria”. A escola tem como princípio basilar a educação cristã. “Louvamos a Deus por toda a equipe de professores e colaboradores que com muito afinco e criatividade fazem de nossa escola um espaço de excelência”, diz o professor Aurélio Macedo, presidente do Conselho da escola. “Nosso muito obrigado a todos os estudantes e profissionais que ao longo desses 28 anos estiveram conosco e participaram da história do Colégio”, ressalta. A diretora do Colégio Batista diz que, completando 28 anos, a instituição olha com muita confiança e otimismo para o futuro. “Que venham muitos anos sob a direção de Deus e que possamos contribuir com a educação de nossa cidade”, finaliza. Cumprindo seu papel social, anualmente a escola tem oferecido bolsas de estudo para estudantes carentes através de edital amplamente divulgado na imprensa. São bolsas parciais e integrais que garantem educação de qualidade a centenas de estudantes ao longo de quase três décadas de ensino.

Polícia Civil apreende armas, cocaína, crack e maconha em dois bairros de Campina Grande

A Polícia Civil da Paraíba, em ação realizada pela Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (DRACO) e o Grupo de Operações Especiais (GOE), apreendeu nesta quinta-feira, 23 de setembro, cinco quilos de cocaína, um quilo de crack e meio quilo de maconha, durante o cumprimento de três mandados de busca e apreensão nos bairros do Jeremias e Bodocongó, em Campina Grande. Dois revólveres e munições também foram apreendidos, além de porções de drogas prontas para comércio e/ou consumo. No local, os policiais encontraram também material plástico utilizado na embalagem de entorpecentes. Um homem foi preso em flagrante e autuado por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Ele está detido na Central de Polícia Civil, aguardando decisões judiciais sobre a prisão. A droga e as armas serão submetidas a exames periciais e encaminhadas ao Poder Judiciário.

domingo, 26 de setembro de 2021

PMCE apreende quase meia tonelada de drogas em Pacatuba

Com ações intensivas e preventivas ao combate ao tráfico de drogas, a Polícia Militar do Ceará (PMCE) realizou a apreensão de 493 quilos de entorpecentes, dentre maconha e crack e cocaína. A operação militar aconteceu no final tarde dessa quarta-feira (21), na região metropolitana de Fortaleza, em Pacatuba e foi efetivada pelo Comando Tático Motorizado (Cotam), do Comando de Policiamento de Choque (CPCHOQUE), com apoio da Força Tática. A apreensão ocorreu após denúncias de que em uma casa, no bairro Timbozinho, havia intensa movimentação de pessoas em atitudes suspeitas. De imediato, os militares iniciaram diligências e foram ao local indicado. No interior do imóvel foram encontrados 477,2 quilos de maconha, oito quilos de crack, quatro pacotes com substância semelhante à cocaína e recipientes contendo materiais comumente utilizados para aumentar a quantidade de entorpecentes. Duas balanças de precisão também foram localizadas. O material foi levado à à Delegacia de Narcóticos (Denarc) da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), em Fortaleza, onde foi instaurado inquérito policial para dar continuidade aos trabalhos investigativos.

sexta-feira, 24 de setembro de 2021

Alterações tributárias mobilizam vereadores e sociedade em Itabuna

O projeto de lei do Governo de Itabuna com alterações significativas no Código Tributário do município (Lei 2.173/10) despertou o interesse da sociedade local, especialmente empresários e profissionais liberais que temem aumento na carga tributária. Em reunião nessa quinta, 23/9, Sivaldo Reis (PL) foi designado relator do projeto pelas comissões de Legislação e Finanças. De antemão, a Prefeitura esclareceu que a proposição objetiva "atualizar a legislação vigente em conformidade com as alterações legais ocorridas" no Brasil. "Ressalte-se que não foram sugeridas alterações nas isenções atuais dos tributos nem nas hipóteses de infrações e penalidades, mas foram mantidos todos os benefícios concedidos em lei municipal para as micro e pequenas empresas", justificou o Executivo. Vereadores como Ronaldão (PL) e Pastor Francisco (Republicanos) também mobilizaram-se em torno da matéria, especialmente por causa dos efeitos negativos do coronavírus na economia do município. Ronaldão questionou o Governo, via requerimento aprovado em Plenário, sobre os impactos financeiros das alterações tributárias no bolso do contribuinte itabunense. Da matéria tributária encaminhada à Câmara, 13 pontos foram sublinhados pelo Governo, entre os quais: fixação de nova alíquota para o Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI); nova forma de reajuste dos valores do IPTU; obrigatoriedade de os cartórios repassarem ao Fisco informações das transações imobiliárias; e adequações do Imposto Sobre Serviços (ISS) à legislação nacional atualizada.

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Empresários do Sul da Bahia já podem se inscrever para próxima edição do Renova Varejo


Os empresários do Sul da Bahia que desejam participar da próxima edição do Renova Varejo já podem fazer a pré-inscrição através do link. As vagas são limitadas e já existe uma lista de espera para esse novo ciclo. Na manhã de quarta-feira (22), empresários de Itabuna, Ilhéus, Una, Canavieiras e Itajuípe, no Sul da Bahia, estiveram reunidos no último encontro presencial do Programa Renova Varejo, realizado pelo Sebrae. No encontro, os empresários que participaram do ciclo 2021 destacaram o crescimento que obtiveram através de consultorias especializadas em estoque, gestão, vendas, marketing e digitalização. “Nós somos parceiros do Sebrae há muito tempo e já contratamos consultorias diversas dentro das áreas que mais precisamos. Recebemos todo o apoio, tanto presencial, quanto online. O Renova Varejo, por exemplo, nos deu muito conhecimento que acrescentou no dia a dia, especialmente durante a pandemia, quando a gente precisou apresentar as coleções nas casas dos clientes, através das mídias digitais. Isso fez toda a diferença para o nosso negócio”, declarou Alessandro Peixoto, que, ao lado da esposa, Isabelle Primitivo, está à frente da loja Alphabeto e Bibi, em Itabuna. O mesmo sentimento de satisfação foi celebrado pela empresária de Canavieiras, Luciana Magnavita, que trabalha com cosméticos. “Foi muito inovador participar do Renova Varejo, pois abriu a minha mente, especialmente no segmento de mídias digitais, porque eu estava focada apenas no presencial. Comecei a ter uma presença digital mais consistente e frequente e coloquei várias ações e eventos em prática e o resultado foi muito produtivo”, contou a dona da Ki Gata Cosméticos. Luane di Paula, que palestrou durante o evento, destacou a necessidade que o empreendedor tem de modificar a mentalidade com frequência. “Para todo mundo que empreende, é uma necessidade ter uma mentalidade diferenciada, uma mentalidade transformadora. Empreender demanda inovar o tempo todo, e a gente não consegue inovar no ambiente externo, na vida e nos negócios se a gente não tem uma mentalidade renovadora, uma mentalidade que busca transformar as adversidades em oportunidades. Isso é fundamental nos negócios”, pontuou. A gestora do Renova Varejo em Ilhéus, Karla Peixoto, ainda durante o evento, falou da satisfação em ouvir os depoimentos dos participantes. “Esse é o terceiro encontro coletivo que faz parte da programação do Renova Varejo com a presença dos empresários participantes e empresários que já tem o desejo de participar da próxima edição e é satisfatório ver a aplicabilidade do que foi levado pela consultora através desses depoimentos de crescimento, especialmente com as mídias digitais que faz parte do programa”, disse. O resultado do programa encantou a todos, conforme relato da gerente regional do Sebrae em Ilhéus, Claudiana Figueiredo. “Importante os resultados que esses empresários alcançaram no ano de 2021, a partir da participação no Programa. E esse momento é uma integração entre quem participou da edição de 2021 e quem tem interesse em participar da edição de 2022. Com certeza, nós teremos um grupo muito maior e os resultados já estão aí claramente visualizados a partir dos depoimentos que eles têm sobre a participação no programa”, afirmou. Foto: Maurício Maron

quarta-feira, 22 de setembro de 2021

Chefe de Polícia participa do 1º Seminário de Segurança Pública da PUCRS e CMS

Na manhã desta quarta-feira (22), a Chefe de Polícia, Delegada Nadine Tagliari Farias Anflor, foi uma das palestrantes do 1º Seminário de Segurança Pública, realizado pela Pontifícia Universidade Católica do RS (PUCRS) e pelo Comando Militar do Sul (CMS), evento online e aberto ao público. A Chefe participou do Painel IV - “Atuação da Brigada Militar do RS (BMRS) e da Polícia Civil no RS (PCRS): visão estratégica, aspectos táticos e operacionais”, que contou também com a participação do Comandante-Geral da Brigada Militar, Cel Vanius Cesar Santarosa, e mediação do Prof. Cláudio Preza. Em sua explanação, a Chefe da PCRS apresentou os pilares que norteiam o trabalho da instituição: investigação criminal qualificada, atendimento ao público humanizado, inteligência policial e integração interna e externa, destacando que “não se faz Segurança Pública sem integração, por isso a nossa troca constante de informações entre os departamentos policiais entre si e também com os demais órgãos de segurança.” Contextualizou, também, o programa estruturante RS Seguro e a prioridade na repressão e prevenção aos crimes patrimoniais, enfatizando a recente resolução do Conselho Nacional dos Chefes de Polícia Civil (CONCPC), que criou o Comitê Permanente de Análise e Repressão aos Crimes contra o Patrimônio. A Chefe destacou, ainda, os programas da Polícia Civil gaúcha, como o “PC por Elas, no enfrentando à violência contra a mulher; o “Papo de Responsa”, uma maneira de dialogar com a comunidade, por meio de visita a escolas; o “Programa Mediar”, que promove a mediação de conflitos, com a aplicação da Justiça Restaurativa nos procedimentos em andamento na polícia; a Delegacia Amiga dos Animais, que oportunizou a criação de cartórios especializados para a investigação de crimes de maus-tratos contra animais; e, ainda, a inauguração, em 2020, da Delegacia de Combate aos Crimes de Intolerância, na Capital, um passo decisivo para concretizar uma política de segurança e proteção mais humanizada no Rio Grande do Sul. O seminário, que teve início ontem (21) e se encerra amanhã (23), tem como objetivo articular temáticas relacionadas à Segurança Pública e meios de inteligência no Estado, proporcionando integração do conhecimento da área de Segurança Pública entre militares, sociedade civil, universidades e instituições do sistema de Justiça. É uma realização da Escola de Direito da PUCRS, em parceria com o CMS, por meio do Núcleo de Estudos Estratégicos (NEE).

Polícia Civil deflagra Operação Password e apreende material para golpes virtuais em apartamento no Cabo Branco

APolícia Civil da Paraíba deflagrou na tarde desta segunda-feira, 20, a Operação Password, desarticulando uma quadrilha voltada a golpes virtuais, através ligações por telefone celular, que havia se instalado em um apartamento do bairro do Cabo Brando, em João Pessoa. Participaram da operação equipes da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (DCCPAT – JP), Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (DRACO) e Delegacia de Crimes Cibernéticos (DECC). No local foram apreendidos notebooks, aparelhos de Call Center, dezenas de aparelhos celulares, anotações referentes às vítimas, dezenas de maquinetas de cartões de crédito, centenas de chips de telefones celulares, entre outros objetos voltados a prática de golpes. Os suspeitos foram identificados como sendo oriundos da Cidade de Caruaru (PE) e João Pessoa (PB) e não estavam no local no momento da operação policial, duas mulheres, encontradas no local, foram conduzidas a Central de Policia Civil onde foram interrogadas. O principal suspeito, que já foi identificado na investigação, já teria sido preso quatro vezes pelo mesmo crime no Estado do Pernambuco. A quadrilha vinha sendo investigada há cerca de dois meses, após ter alugado um apartamento no Cabo Branco, em João Pessoa, e no local instalado um verdadeiro Call Center voltado a prática de golpes pelo telefone.

terça-feira, 21 de setembro de 2021

Benefícios dos SAFs, mas o que é SAF?

Os SAFs são sistemas agroflorestais biodiversos e possuem alta capacidade para melhorar o meio ambiente. São formados por plantios de diversas/diferentes espécies vegetais na mesma área e, ao mesmo tempo (consórcios). Nesses sistemas incluem-se árvores e arbustos nativos ou exóticos e culturas agrícolas de diferentes ciclos. A escolha das espécies vegetais para compor um sistema agroflorestal depende dos objetivos de cada agricultor(a). Uma das estratégias mais adotadas é a implantação de grande diversidade de espécies de árvores e arbustos, bem como de culturas agrícolas. Ao iniciar um SAF, são implantadas as espécies vegetais para fins agrícolas (exemplos: batata doce, rúcula, cebolinha, açafrão, gengibre, abóboras, milho, feijões, mandioca, couve, banana, citros, entre outras) e, ao mesmo tempo, as árvores e arbustos destinados à melhoria ambiental. Quando é feita a colheita de cada espécie agrícola de ciclo curto, implanta-se outra logo após, utilizando-se a rotação de cultivos (exemplos: colhe a batata doce e planta feijões na mesma área; colhe feijões e planta abóboras, e assim por diante). Nesse processo utilizam-se espécies de ciclo anual (exemplos: podem ser dezenas de hortaliças, espécies produtoras de grãos, entre outras; espécies bianuais (abacaxi, sorgo forrageiro, mandioca para farinha ou amido...), trianuais (mamão, maracujá...) e espécies perenes (banana, citros, coco da Bahia, manga, abacate, entre outras). Assim, o sistema proporciona segurança alimentar e nutricional e viabilidade econômica, pois é possível produzir alimentos e gerar renda continuamente, desde os primeiros meses e até durante décadas. A boa diversidade vegetal nos SAFs forma diferentes alturas (como se fosse um prédio de vários andares), e as partes aéreas e raízes das plantas, com as diferentes características de cada espécie, somam-se para fortalecer os processos naturais, também chamados de serviços ambientais, resultando em melhorias do meio ambiente. Um dos importantes serviços ambientais que esses sistemas proporcionam é a melhoria do microclima. Ou seja, tanto a temperatura do ar como a do solo ficam mais estáveis, mais agradáveis aos agricultores(as) e a todas as espécies vegetais cultivadas, bem como aos organismos nativos que vivem nos SAFs, os quais ajudam a melhorar a qualidade do solo e o equilíbrio biológico. Outro serviço ambiental destacável é a melhoria do ciclo da água, pois facilita a sua infiltração no solo, alimentando o lençol freático e, consequentemente, fortalecendo as nascentes e os mananciais superficiais de água. Vários estudos também mostram o aumento da fertilidade, estrutura e da vida do solo, melhorando a sua qualidade, reduzindo e até dispensando o uso de fertilizantes. Com o aumento do equilíbrio biológico nesses sistemas, ocorre baixo ataque de pragas e doenças nos cultivos agrícolas, tornando-se desnecessária a utilização de defensivos e, consequentemente, facilitando a viabilização da produção orgânica. Ainda, esses sistemas produzem outros serviços ambientais, tais como: melhoria da polinização e aumento da estocagem de carbono no solo e na biomassa das plantas (importante para diminuição de gás carbônico na atmosfera e, consequentemente, diminuição dos impactos com o aquecimento global). Os sistemas agroflorestais biodiversos podem ser adotados para diversificação da produção agropecuária, recuperação de Áreas de Reserva Legal (ARLs), bem como de Áreas de Preservação Permanente (APPs). Ressalta-se que esses sistemas exercem múltiplas funções em APPs e ARLs, pois possibilitam a produção de alimentos e geração de renda ao mesmo tempo em que recupera essas áreas. A Embrapa Agropecuária Oeste desenvolve pesquisas com SAFs desde 2007, envolvendo diferentes temas para subsidiar agricultores, técnicos, agentes de crédito (bancos e cooperativas) e governos, com intuito de favorecer adoção desses sistemas e a obtenção dos múltiplos resultados positivos que esses sistemas são capazes de proporcionar. Destacam- se os seguintes trabalhos:
1) Identificação de espécies de árvores e arbustos de rápido desenvolvimento, que produzam elevadas quantidades de biomassa, entre outras características desejáveis, destinadas à melhoria ambiental;
Publicação: PADOVAN, M. P.; PEREIRA, Z. V.; FERNANDES, S. S. L. Espécies arbóreas nativas pioneiras em sistemas agroflorestais biodiversos. Revista GeoPantanal, v. 24, p. 53-68, 2018.
2) Identificação e quantificação de serviços ambientais, envolvendo: fertilidade, estrutura, fauna e microbiota do solo; sequestro e estocagem de carbono no solo e na biomassa vegetal;
Milton Parron Padovan
milton.padovan@embrapa.br